Abandonada pouco antes do casamento, a noiva convida ao banquete os moradores de rua da sua cidade

Noiva doa comida do seu casamento

Abandonada praticamente no altar, ou, à beira dele. Foi um momento terrível para Quinn, californiana de 27 anos. O namorado, poucos dias antes do casamento, a deixou com um telefonema. A jovem decidiu combater a dor e a frustração com um gesto de solidariedade. Assim, ela lembrou dos desabrigados de sua cidade, convidando-os a participar do que teria sido o seu banquete de casamento.

Casamentos, você sabe, são sempre caracterizados pelo excesso, muito desperdício e comida jogada no lixo. Tanto aqui como no mundo, é assim: para não passar o “carão” de faltar alguma coisa, exageram em tudo e acaba que estas festas no final, são uma verdadeira afronta à pobreza.

O banquete de Quinn para se ter ideia, a título de curiosidade, tinha custado algo em torno de US$ 35.000. Uma cifra que realmente poderia alimentar os mais necessitados. E foi isso que a noiva pensou depois do triste telefonema, recebido poucos dias antes do casamento.

"Quando eu descobri na segunda-feira que o casamento não aconteceria, eu senti a necessidade de fazer alguma coisa para tirar algo de bom do que estava acontecendo", disse Kari Duane, a mãe da ex-noiva.

E a ideia que veio em um piscar de olhos se transformou em realidade. Em vez de 120 hóspedes, o Hotel Citizen em Sacramento recebeu tantas pessoas necessitadas: pais, filhos, avós, crianças...

A primeira a chegar, com quase meia hora mais cedo, foi uma mulher que vive em um asilo com outras pessoas, já com idade avançada para trabalhar e muito pobre para pagar um aluguel.

"Eu pensei naquele momento que, mesmo que ela fosse a única pessoa a chegar naquela noite, ainda assim teria valido a pena", disse Duane.

Noiva doa comida do casamento

Depois chegou Rashid Abdullah juntamente com sua esposa e cinco filhos. Foi um almoço de rei para essas famílias geralmente acostumadas às refeições escassas, comprometidas com o esforço de conseguir se alimentar pelo menos uma vez por dia.

“É incrível pensar que alguém é ainda capaz de doar exatamente no momento em que perdeu algo importante", disse a esposa de Rashad, Erika Craycraft.

Uma história bonita que nos faz pensar em como o desperdício que ocorre em banquetes de casamentos ou eventos importantes são frequentes.

Quem sabe a história sirva de exemplo para tentarmos reduzir esse problema, doar as sobras, inventarmos métodos de reaproveitamento dos alimentos nestas ocasiões?

É um desafio para as empresas de buffet e também a nós mesmos, que estamos muito habituados com o pensamento “melhor sobrar do que faltar”, esquecendo que sobrar significa desperdiçar os recursos usados na preparação da comida, começando pela água...vocês não acham?

Leia também:

CASAMENTO SUSTENTÁVEL: DO VESTIDO DE NOIVA AO BUQUÊ. VEJA AQUI COMO SÃO AS NÚPCIAS ECO-FRIENDLY

O VESTIDO DE NOIVA FEITO DE 100% PAPEL HIGIÊNICO

COMO DEIXAR QUALQUER EVENTO MAIS SUSTENTÁVEL

Fonte fotos: Twitter