Receita antiga para limpar as artérias e ativar o sistema imunológico

Receita antiga para limpar as artérias e ativar o sistema imunológico

Às vezes a gente se depara com umas receitas antigas que não dá para perder, nem deixar de divulgar. Esta é uma delas – com limão siciliano, alho e gengibre – que promete ajudar na limpeza das artérias e na melhora da nossa imunidade. Gostei da receita, é fácil de fazer e, pelos ingredientes, terá bom resultado.

O que vai nessa receita antiga?

1. Limão siciliano (4 inteiros) – o limão verdadeiro, o Citrus limon, que é rico em vitaminas, pectina, limonina e outros compostos terpênicos. Atua na desintoxicação do organismo, afina o sangue, age na redução da acumulação de gorduras e no equilíbrio do pH interno (é um alcalinizante, por excelência). Acredito que, com o mesmo efeito, você poderá usar, nesta receita, outros limões – tahiti, rosa, galego – mas, o siciliano tem um aroma muito especial e mais pectina que todos.

Leia também: FOLHA DE LIMÃO – O BEM QUE FAZ! A RECEITA DO CHÁ

2. Alho (4 cabeças – é bastante alho) – o alho cru (Allium sativum) tem poderosa ação antimicrobiana e antifúngica, afina o sangue, reduz as gorduras que estão pela corrente sanguínea e ativa o nosso sistema imunológico reforçando as defesas naturais. É excelente para quem tem pressão alta e problemas circulatórios.

Leia também: CHÁ DE ALHO, PODEROSO ANTIBIÓTICO! RECEITAS E CONTRA-INDICAÇÕES

3. Gengibre (pedaço de 3 a 4 cm) – a raiz da vida, o gengibre (Zingiber officinale) é rico em antioxidantes, tem ação anti-inflamatória, é um modulador do sistema imunológico e um antimicrobiano potente. Para além do mais, o gengibre ativa o nosso metabolismo, favorecendo a queima das gorduras acumuladas e, claro, ajudando no emagrecimento.

Leia mais:

GENGIBRE: PROPRIEDADES MEDICINAIS COMPROVADAS

CONSERVA DE GENGIBRE: A RECEITA. ÓTIMA PARA ARTRITES E INFLAMAÇÕES

Como fazer

* Use limões orgânicos pois a receita precisa das cascas também.

* Lave bem os limões e corte-o em pedaços pequenos.

* Descasque os dentes de alho das 4 cabeças.

* Rale o gengibre.

* Junte todos esses ingredientes no liquidificador e bata bem.

* Junte água, 2 litros, e leve ao fogo – use panela de aço inox ou vidro, de preferência. Quando começar a ferver (primeiras bolhinhas) retire a panela do fogo e deixe esfriar, tampada.

Como usar

Você deverá tomar, durante 3 semanas, 1 copo diariamente, duas horas antes da refeição principal ou, se puder, em jejum, logo cedo. Depois deste período, deixe seu corpo descansar por 1 semana e recomece o tratamento. O remédio deverá ser guardado na geladeira, de preferência em garrafa de vidro escuro, bem tampada.

Pode adoçar com mel se você não conseguir engolir puro – o gosto é meio forte, claro, mas não deixa mau hálito. Antes de tomar, sacuda bem a garrafa para que o conteúdo se misture.

Algumas pessoas mais sensíveis poderão ter incômodos estomacais por conta do alho e do gengibre – se for seu caso, dilua a dose e aumente a frequência.

Leia mais sobre remédios caseiros:

QUAIS SÃO OS EFEITOS DA INGESTÃO DIÁRIA DE GENGIBRE? (INFOGRÁFICO)

GENGIBRE E LIMÃO: O QUE ACONTECE AO CORPO SE CONSUMIRMOS OS DOIS JUNTOS TODOS OS DIAS?

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *