Ooho! a garrafa d’água comestível já é realidade

  • atualizado: 
Ooho!

Lembra-se da Ooho!? Nós falamos sobre ela há alguns anos: é uma garrafa d’água de comestível que tem a forma de uma esfera. Agora, o produto recebeu a primeira licença comercial.

Leia mais: ESTUDANTES DE DESIGN CRIAM UMA GARRAFA D'ÁGUA COMESTÍVEL

Nos últimos seis meses, a Skipping Rocks Lab vinha testando essa peculiar esfera d'água em seus laboratórios em Londres, mas só recentemente foi dado o sinal verde para a sua comercialização.

Ao primeiro olhar, Ooho! se parece com um balão transparente, uma bolha d’água, que cabe na palma da mão. Parece uma invenção do futuro mas faz parte do presente e promete, com sua distribuição, reduzir a poluição produzida pelo plástico.

ooho2


Sabemos que as garrafas de plástico, atualmente em uso, são altamente poluentes, muitas vezes acabam no mar e ali ficam vagando por anos e anos. Um uso que dura alguns minutos, mas que nós pagamos por muito tempo.

Com Ooho! em vez disso, podemos beber sem produzir lixo. A quantidade de água contida nesta esfera feita de algas comestíveis é de mais ou menos um copo d'água, 250 ml, o suficiente para matar uma sede normal.

"Ooho! é uma embalagem, uma alternativa sustentável para garrafas e copos de plástico, feita a partir de um extrato de algas. É completamente biodegradável e tão natural que você pode realmente comê-la! ", Lê-se no site Crowdcube. "Nossa embalagem é mais conveniente que o plástico, é barata e pode conservar qualquer bebida: água, refrigerantes, bebidas em geral.”

Ooho! A embalagem transparente e comestível tem as seguintes vantagens:

É feita de 100% algas
É biodegradável dentro de 4-6 semanas
É comestível, com a possibilidade de adicionar sabores e cores
É sempre fresca (durante os seus poucos dias de vida)
Gera 5 vezes menos dióxido de carbono em relação às garrafas PET e ainda requer 9 vezes menos energia para ser produzida
É mais barata do que o plástico (PET)

Passados os últimos dois anos, com as devidas tecnologias desenvolvidas para sua produção e com um pedido de patente em andamento, a promessa agora é a de reduzir o impacto das embalagens no meio ambiente e ajudar a salvar o planeta.

A iniciativa já arrecadou cerca de € 1 milhão em doações.

Mas será que realmente irá mudar a nossa forma de beber?

Leia mais sobre a poluição plástica:

10 DICAS PARA DIMINUIR O LIXO PLÁSTICO NO DIA A DIA

FUNGO DA AMAZÔNIA DIGERE PLÁSTICO

QUANDO O PLÁSTICO ENTRA NA CADEIA ALIMENTAR VIA PLÂNCTON (VÍDEO)