Os Benefícios do Jerivá! Descubra uma Receita Deliciosa!

  • atualizado: 
Jerivá

Quem vive nas regiões nas quais se vislumbra o jerivá, pode saborear os frutos dessa palmeira, que atraem por seu gosto meladinho e adocicado. Para poder desfrutar desse prazer, literalmente, vale a pena ir "catar coquinho"!

Brincadeira à parte, vamos conhecer essa palmeira nativa brasileira e informações que vão revelar também, os seus muitos benefícios, utilizações e a importância da sua preservação.

 

1. O que é Jerivá

Este vegetal é uma palmeira tipicamente brasileira, encontrada na Mata Atlântica, em restingas, florestas  e, também, no Cerrado. Esta palmeira  é encontrada em várias regiões brasileiras sudeste, centro-oeste e sul.

O jerivá chega a alcançar até 20 metros de altura. Seu fruto é  amarelado, arredondado, com polpa fibrosa, doce e suculenta. Tem uma semente, que se assemelha a um pequeno coco, com sabor amendoado e comestível. O plantio dessa planta se dá através das sementes ou de mudas.

2. Vídeo mostrando o Jerivá

Neste vídeo, Edgar Bush mostra o fruto da palmeira Jerivá (Syagrus romanzoffiana) e como pode se apreciar sua polpa e amêndoa.

 

3. Outras denominações

"Jerivá" deriva do tupi - jeri'wa e significa: "fruta gomosa de cacho". Esta palmeira também é conhecida como "baba-de-boi" devido à resina de sua planta e que se assemelha à baba desse animal. 

Outro nome que recebe é "coquinho-de-cachorro", por causa  dos cachorros gostarem do fruto dessa palmeira.

O jerivá também é conhecido por outros nomes como: Coco-de-babão, Coco-de-cachorro, Coco-de-catarro, Coqueiro, Coqueiro-gerivá, Coquinho, Gerivá, Jeribá e Palmeira-jerivá. 

4. Onde encontrar o Jerivá?

Esta palmeira pode ser encontrada em meio à natureza, de forma nativa, mas também, pode ser replantada em quintais de casas, chácaras, áreas urbanizadas.

Para quem tem interesse de plantar jerivá, pode comprar sementes e mudas de plantas em lojas de jardinagem, físicas e virtuais.

5. Benefícios do jerivá

O fruto jerivá possui os seguintes nutrientes: 

  • rico em ômegas 3, 6 e 9
  • tem grande quantidade de vitamina A
  • proteínas
  • fibras solúveis
  • minerais como selênio e cálcio
  • polissacarídeos
  • alto teor de carboidratos totaisrico em óleos mono e poli-insaturados
  • elevado conteúdo de carotenoides

O jerivá por suas propriedades é:

  • diurético
  • antidiarreico
  • vermífugo
  • nutritivo
  • antiartrose e osteoporose
  • antirreumático
 

6. Usos medicinais do jerivá

Na Medicina fitoterápica o jerivá pode ser utilizado para as seguintes finalidades: 

  • no combate à diarreia
  • no tratamento do amarelão (doença parasitária)
  • é usado como vermífugo, se utilizando chá da casca e da flor, ou o suco dos frutos
  • a amêndoa da semente é rica em proteínas e cálcio e, por isso, contribui para diminuir os efeitos da artrite, da artrose e do reumatismo
  • para ajudar a sanar problemas nos rins, devido à sua ação diurética
 

7. Outras utilizações do jerivá

O fruto do jerivá serve de alimento, de diversas formas.

  • A polpa do jerivá maduro batida, serve para preparação de sucos, sorvetes, geleias, cremes e mousses
  • As amêndoas das sementes são comestíveis in natura e podem ainda ser usadas como óleo ou farinha
  • O uso do óleo retirado das amêndoas do fruto do jerivá, com mais investimento em equipamentos apropriados pode ser utilizado como óleo de cozinha e outros produtos na indústria alimentícia, cosmética e na fabricação de biocombustíveis
  • Os ácidos graxos contidos nesse óleo servem como matéria prima para a fabricação de sabão
  • O palmito extraído da planta é  muito saboroso
  • As folhas servem para cobertura de casas e como alimentação do gado
  • As fibras das folhas jovens são utilizada pelos índios guaranis para a confecção de instrumentos musicais de corda
  • A planta (palmeira) do jerivá é utilizada, de forma ornamental, em jardins, áreas urbanas, ruas, calçadões, praças e projetos de paisagismo
  • As sementes, as fibras dos cachos e as folhas, podem ser utilizadas para confecção de produtos artesanais
 

8. Uma Receita Deliciosa: Suco de Jerivá

Para quem considera dificultoso comer a polpa do coquinho do jerivá, por suas fibras grudarem nos dentes, o suco é uma boa opção de desfrutar do sabor desse fruto.

Para fazer o suco e só bater a polpa no liquidificador com um pouco de água, até virar um caldo grosso e encorpado (se quiser, essa polpa pode ser congelada). 

Em seguida, coa-se e bate-se, novamente, no liquidificador acrescentando água gelada  e açúcar (opcional e a gosto).

9. Fruto em extinção

Por causa da ação humana, a biodiversidade vegetal das Mata Atlântica e do Cerrado Brasileiro, estão diminuindo e algumas espécies, como o jerivá, estão entrando em extinção. Por isso, a Slow Food Brasil tem feito campanhas, eventos e projetos, para estimular e conscientizar as pessoas a valorizarem e conhecerem nossa biodiversidade e os alimentos vegetais que podemos extrair dela, de forma sustentável e ética, como no caso do jerivá. A ação dessa entidade visa com isso, contribuir para a preservação e valorização dessa espécie vegetal, além de outras, que estão em extinção.

10. Jerivá, um dos ícones brasileiros

A palmeira jerivá é uma das marcas que retrata a diversidade natural brasileira. Além de sua beleza, essa planta tem muitas utilidades, mas carece de cuidarmos de sua preservação. Uma planta que vive por décadas, que podemos nos alimentar de seus frutos e, também, nos beneficiar com seu poder medicinal e que, além de tudo, que vira diversão certa para todos aqueles que buscam "catar seus coquinhos" para mascar sua polpa como um chiclete natural. 

Quem nunca?

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!