Vacina à vista? Pfizer anuncia que testes resultaram em 90% de proteção

Capaz de prevenir quase a totalidade da população, 90% das pessoas testadas com a nova vacina contra a Covid-19 foram imunizadas. Esse é o resultado que a Pfizer fez saber ao público nesta segunda-feira, 9.

Enquanto o vírus circula na Europa fechando tudo e todos, de novo, em casa, as fabricantes Pfizer e BioNTech anunciaram hoje como sendo um “grande dia para a ciência e para a humanidade”.

Exagero, esperança ou salvação? As empresas planejam solicitar uma aprovação emergencial para que a vacina ajude os países a saírem do lockdown.

A vacina da Pfizer que foi testada em 43,5 mil pessoas de 6 países não apresentou nenhum problema de segurança. Mas infelizmente a história é meio complicada, principalmente porque a duração da imunidade ainda é desconhecida.

A BBC perguntou a David Nabarro, enviado especial da OMS para a Covid-19, sobre a possível solução do problema, David afirmou que embora a notícia seja ótima, uma vacina poderia ajudar, mas “não vai virar completamente o jogo” da pandemia.

Uma situação de “normalidade” poderia surgir por volta de abril de 2021, segundo previsões de John Bell, professor emérito de Medicina da Universidade de Oxford, também questionado pela BBC.

Brasil, sem lockdown, nas últimas 24h teve 10, 5 mil novos casos de Covid com 128 mortes.

A torcida e o trabalho para por fim à pandemia é grande. E pelo menos por hoje, o vírus perdeu alguns pontos nesta batalha.

Oxalá!

Talvez te interesse ler também:

Covid-19 não é PANDEMIA e sim SINDEMIA. É hora de reconhecer isso

Como as pandemias acabam?

Novo coronavírus já está velho: vírus que circula na Europa já sofreu alterações

Sobre Daia Florios

Daia Florios
Ingressou no curso de Ecologia pela UNESP e formou-se em Direito pela UNIMEP. É fundadora e redatora-chefe em GreenMe Brasil.

Veja Também

Romã: como fazer chá e suco dessa fruta medicinal maravilhosa

A romã (Punica granatum) é uma fruta conhecida milenarmente que além de sua gama de …

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *