Dia Internacional da Enfermagem e do Enfermeiro: mais do que nunca uma homenagem a estes profissionais

São os novos super-heróis nos tempos do coronavírus. Na linha de frente no tratamento da Covid-19, uma profissão mormente exercida por mulheres, enfermeiros hoje são muitas vezes além de heróis, mártires, porque muitos morreram e tantos outros morrerão em decorrência da pandemia.

Até Banksy, o mais famosos dos artistas de rua, rendeu uma linda homenagem aos profissionais da enfermagem, mostrando um menino que brinca com uma nova mulher-maravilha: uma enfermeira.

View this post on Instagram

. . Game Changer

A post shared by Banksy (@banksy) on

No Brasil, a situação destes profissionais é triste. Nosso país é, ao momento, recordista no número de mortes deles:

É preciso reconhecer a dedicação dos enfermeiros hoje, dia 12 de maio, e sempre. Eles recebem menores salários e às vezes têm menos prestígio que os médicos, mas são tão importantes quanto os doutores, embora tenham menos responsabilidade sobre a vida dos pacientes. Mas o fato é que ambas as profissões, médicos e enfermeiros e, neste momento, todos os profissionais da saúde, estão arriscando suas vidas por nós e, em um país que ainda desdenha da gravidade do coronavírus, não obstante a realidade dos fatos, a falta de empatia e de reconhecimento do trabalho deles é um acinte.

Hoje, a melhor homenagem que podemos fazer aos enfermeiros é #FiqueEmCasa. Vamos evitar a superlotação nos hospitais com mais riscos à saúde deles e dos pacientes, além do colapso do sistema sanitário com o aumento do número de contágio.

Dom divino

A data, 12 de maio, é uma homenagem à Florence Nightingale, a “mãe” da enfermagem, que nasceu neste dia.

Florence era uma cristã que quis ser enfermeira por acreditar ser esta a sua vocação, o chamado de Deus para ela era ser enfermeira.

Foi ela quem fundou a primeira Escola de Enfermagem do mundo. Conhecida como a “Dama da Lâmpada”, Florence de noite usava a luz para acudir os enfermos. Realmente, é um dom divino querer cuidar das pessoas em seus momentos de maiores fragilidades, vulnerabilidades e medos.

Parabéns a todas às pessoas que exercem este dom para o bem da sociedade.

Gratidão.

Talvez te interesse ler também:

Mais de 2000 profissionais da saúde contraíram coronavírus na Itália

Para dar uma força real, princesa Sophia da Suécia faz voluntariado em hospital

Covid-19: brasileiros criam cabine de proteção para evitar contágio em médicos e enfermeiros