Cártamo: o óleo que reduz a gordura abdominal e não somente!

  • atualizado: 
cartamo

O cártamo ou açafrão-bastardo é a planta Carthamus tinctorius, também conhecida como açafrão-dos-tintureiros, pelo corante vermelho que produz, muito usado no tingimento de fibras naturais. Mas as cores, vermelho e amarelo forte, deste açafrão não verdadeiro, escondem também um óleo muito saudável e curativo.

Corante amarelo e vermelho

Do cártamo se usam as flores, numerosas e finas, agrupadas em capítulos e o óleo das suas sementes. Os usos são variados, na medicina popular, no tingimento de fibras naturais, na produção de pigmentos e na culinária - suas flores tostadas e pulverizadas colorem de alaranjado os pratos orientais da região de onde é originário, o Irã.

Das flores do cártamo são extraídos os dois corantes - um amarelo, solúvel em água, usado na culinária e o outro, vermelho, insolúvel em água, usado em tinturaria, pintura e cosmética. Suas flores e seu pó moído são vendidos com o nome de açafrão (este já é quase um nome genérico para a pigmentação amarelo alaranjada).

A semente de cártamo e seu rico óleo

As sementes do cártamo, oleaginosas, são ricas em vitamina E e ômega 9, um dos ácidos graxos essenciais, sendo muito usadas como suplemento alimentar na prevenção de problemas cardiovasculares e de colesterol.

O óleo de cártamo é um bom regulador hormonal para as mulheres reduzindo as pressões menstruais e seus sintomas adversos. Também é eficaz contra a prisão de ventre, reumatismo e processos dolorosos de origem inflamatória.

cartamo 2

Fonte foto

Óleo de cártamo para reduzir a gordura da barriga

O consumo regular de óleo de cártamo contribui para a redução da gordura acumulada na cintura, redução do LDL (mau colesterol), aumento da energia vital e imunidade, atuando diretamente nos processos inflamatórios internos, como antioxidante, diurético, imuno-estimulante e laxante suave.

Seu uso é recomendado em caso de obesidade, descontrole hormonal que resulta em aumento da gordura abdominal, risco de doenças cardíacas e tensão pré-menstrual. Também tem resultado positivo na redução dos sintomas desagradáveis da menopausa e pré-menopausa.

O óleo de cártamo pode ser ingerido em cápsulas gelatinosas (até 2 mil gr ao dia, é o recomendado) ou pode ser usado na culinária, sem ação do fogo (recomenda-se o consumo de duas colheres de sopa ao dia).

setaLeia mais: ÓLEO DE CÁRTAMO: BOM PARA OS CABELOS, PELE E CORAÇÃO!

Unguento de cártamo

Mas, você também terá benefícios se usar toda a planta como emplastro para contusões e deslocamentos. No caso, bata flores e folhas, no liquidificador, com alguma gordura, aqueça ligeiramente na frigideira (a temperatura suave) e aplique, diretamente, sobre a parte contusa ou deslocada. O calor e os princípios ativos da planta reduzirão a dor e o processo inflamatório.

Especialmente indicado para você:

setaAÇAFRÃO-DA-TERRA PODE SUBSTITUIR VÁRIOS MEDICAMENTOS

setaCOMO PLANTAR CÚRCUMA, O AÇAFRÃO-DA-TERRA

seta

15 ÓLEOS VEGETAIS PRECIOSOS PARA SAÚDE E BELEZA