Como fazer solução caseira de Arnica: ótimo remédio natural cicatrizante e contra dores musculares

Desde tempos remotos, a Arnica é utilizada como eficiente anti-inflamatório, analgésico e cicatrizante de feridas, picadas de insetos, hematomas, nevralgias, dores musculares e contusões.

Neste conteúdo você irá aprender como preparar, de forma caseira, a tintura de Arnica à base de álcool.

A receita foi ensinada pela fitoterapeuta Fernanda Oliveira de Gaspi e publicada anteriormente no site do G1.

Como a Arnica têm propriedades valiosas, vale a pena repassar essa receita caseira para mais pessoas tomarem conhecimento, e se beneficiarem com os poderes curativos desta planta.

As espécies mais conhecidas de Arnica são as Arnicas Montana e a Brasileira. Ambas têm em comum as famosas propriedades já citadas.

Segue o passo a passo da receita de tintura de Arnica para você ter sempre ò mão esse remédio natural caseiro.

O que irá precisar

  • 350 ml de álcool (sugestão: álcool de cereais)
  • 150 ml de água
  • Folhas de arnica
  • 2 recipientes de vidro com tampa

Modo de fazer

  • Lave as folhas da arnica em água corrente
  • Coloque as folhas em um pilão, soque-as para liberar o sumo que contém o princípio ativo da planta
  • Após isso, coloque as folhas e o sumo em um frasco de vidro limpo
  • Adicione a água e o álcool no frasco com as folhas de Arnica
  • Deixe descansar e macerar por 7 dias em local escuro
  • Durante esse período, agite o frasco uma vez por dia
  • Ao término de uma semana, abra o frasco, retire as folhas e passe a solução para outro frasco de vidro limpo.

Observações:

A solução deve ser conservada e mantida em ambiente escuro e tem prazo de validade de cerca de um ano.

O uso é SOMENTE externo.

Não utilize em ferimentos profundos e abertos, por causa da ardência que o álcool provoca no local da lesão. Neste caso é melhor utilizar, sempre para uso externo, a Arnica em forma de chá.

Vídeo com a receita

Clique neste ->link do site Globoplay para ver o vídeo da reportagem com a fitoterapeuta Fernanda Oliveira de Gaspi, ensinando esta receita na prática.

As diversas formas de utilizações e os benefícios da Arnica

É bom lembrar que existem outras maneiras de utilizar a Arnica e outros benefícios, conforme a forma de uso, tais como:

  • Homeopatia– através da administração de glóbulos ou gotas, que além dos benefícios conhecidos também trata traumas e medos sofridos por exemplo após cirurgias.
  • Fitoterapia–utilizando como pomada, tintura ou chá, em geral, o uso recomendável  da Arnica é o tópico, pois, ingerida na quantidade indevida pode provocar distúrbio hepáticos.

Sabendo utilizar a Arnica é um “santo remédio” que vem da Natureza e trata vários problemas, não é à toa que seu uso é tão popular e conhecido no mundo inteiro!

Talvez te interesse ler também: 

Sobre Deise Aur

Avatar
Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.

Veja Também

Cinórrodo: o pseudofruto que contém altíssimo teor de vitamina C

Você já ouviu falar de um pseudofruto chamado cinórrodo? Além de muita vitamina C, ele …