A guerra indonésia contra o plástico

Parece que a Indonésia declarou mesmo guerra com o plástico. O país asiático tem estampado as manchetes dos jornais desde a semana passada, devido ao anúncio de que devolveria todo o lixo enviado pelos Estados Unidos.

Este foi mais um capítulo de uma história que começou no ano passado, quando outra medida do governo também gerou repercussão internacional: segundo publicou, em outubro de 2018, a agência de notícias Reuters, garrafas e copos plásticos já podem ser usados como moeda de troca para a compra de bilhetes no transporte público das principais cidades indonésias.

A ação vem sendo implementada desde abril de 2018, de forma pioneira, em Surubaya, a segunda maior da Indonésia. De acordo com a estimativa oficial, o plástico corresponde a 15% do lixo produzido por lá.

indonesia plastico 2

Segundo dados publicados, em 2016, no Forum Econômico Mundial de Davos, em 2050 haverá mais plástico que peixes nos Oceanos. Como informaram a France Press e o site de notícias G1 à época, de acordo com o documento divulgado pela fundação da navegadora Ellen MacArthur e pela consultoria McKinsey, a proporção de toneladas de plástico por toneladas de peixes, que era de uma para cinco em 2014, será de uma para três em 2025 e, em 2050, esse tipo de lixo superará a quantidade de peixes.

Talvez te interesse ler também:

CHINA NÃO QUER MAIS SER A LIXEIRA DO MUNDO. E AGORA JOSÉ? PRA AONDE VAI O LIXO?

633 MERGULHADORES BATEM O RECORDE MUNDIAL NA MAIOR LIMPEZA JÁ REALIZADA EM SOLO OCEÂNICO

CADA UM DE NÓS INGERE 50 MIL PARTÍCULAS DE PLÁSTICO POR ANO, E A CULPA É DAS GARRAFAS DE ÁGUA

Jornalista e mestre em Ciência da Religião. Tem 18 anos de experiência em produção de conteúdo multimídia. Coordenou diversos projetos de Educação, Meio Ambiente e Divulgação Científica.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook