Rio dará inicício às obras para a despoluição da Baía de Guanabara

Rio dará inicício às obras para a despoluição da Baía de Guanaba

Nesta quinta-feira (3) o governador Luiz Fernando Pezão, anunciou que as obras de despoluição da Baía de Guanabara começarão ainda este mês. A meta assumida pelo Governo do Estado junto com o Comitê Olímpico Internacional, de sanear 80% da baía, precisa ser cumprida até 2016 e no corre-corre para causar uma boa impressão para os jogos e cumprir as metas, o governo do Rio de Janeiro adota medidas para minimizar os impactos ambientais da Baía de Guanabara, que é vítima de poluições visíveis e contaminações devido ao despejo de esgoto e substâncias tóxicas que ocorreram durante as quatro últimas décadas.

A construção do Sistema de Esgotamento Sanitário de Alcântara, em São Gonçalo, será a primeira obra do Programa de Saneamento dos Municípios do Entorno da Baía de Guanabara (PSAM). De acordo com análises técnicas, o sistema reduzirá 800 litros por segundo do volume de esgoto sem tratamento despejado.

O sistema conta com um investimento de R$ 355 milhões para a construção de Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) e assentamento de redes que atenderão cinco bairros de São Gonçalo: Trindade, Luiz Caçador, Mutondo, Galo Branco e Jardim Catarina, com previsão para conclusão até o fim deste ano.

A segunda etapa da obra visa ampliar o atendimento a mais sete bairros: Tribobó, Arsenal, Jockey Club, Colubandê, Coelho, Alcântara e Salgueiro, atendendo a 450 mil pessoas no total.

O governador e ressaltou que o Projeto Guanabara Limpa não é somente para jogos, mas também para a saúde da população.

Leia também:

Baía da Guanabara e lagoas do Rio de Janeiro pedem socorro

Abaixo-assinado cobra despoluição da Baía de Guanabara para Rio 2016

Fonte: Agência Brasil

Fonte foto: diariodepernambuco.com.br