Quais são as melhores (e também as piores) cidades do Brasil?

cidades-melhores-e-piores

Um levantamento inédito, feito pelo Observatório das Metrópoles sob a coordenação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), investigou quais são as 100 melhores e piores cidades para se viver no Brasil, país com 5,5 mil municípios.

A metodologia da pesquisa considerou cinco fatores em sua análise: mobilidade urbana, condições ambientais e habitacionais, serviços coletivos urbanos e infraestrutura, levando em conta dados do Censo Demográfico de 2010. Apesar dos dados parecerem antigos, o coordenador da pesquisa, prof. Marcelo Gomes Ribeiro, explica que eles podem refletir as condições urbanas da maior parte dos municípios brasileiros.

O resultado do estudo não foi muito animador: mais da metade dos municípios oferece condições ruins à sua população, como atendimento inadequado de água e esgoto, coleta de lixo e atendimento de energia.

Enquanto o Sul e Sudeste lideram o ranking das melhores cidades para se morar, os estados do Norte e Nordeste têm os municípios piores para se viver, o que aponta uma desigualdade regional grande em termos de infraestrutura. Só o estado de São Paulo tem oito cidades figurando entre as melhores.

As capitais dos estados apresentaram mais diversidade em relação às condições de bem-estar urbano. Das 27 capitais, incluindo Brasília (Distrito Federal), 12 revelam boas condições. São elas: Vitória (1ª), Goiânia (2ª), Curitiba (3ª), Belo Horizonte (4ª), Porto Alegre (5ª), Campo Grande (6ª), Aracaju (7ª), Rio de Janeiro (8ª), Florianópolis (9ª), Brasília (10ª), Palmas (11ª) e São Paulo (12ª).

Já as capitais que apresentam condições ruins de bem-estar urbano são: Rio Branco (23ª), Manaus (24 ª), Belém (25ª), Porto Velho (26ª) e Macapá (27ª). Mais uma vez a desigualdade regional é marcante, já que todas essas capitais estão localizadas na região Norte do país.

As 10 melhores e as 10 piores cidades para se viver no Brasil

As dez melhores cidades brasileiras, segundo a pesquisa são: Buritizal (SP), Santa Salete (SP), Taquaral (SP), Dirce Reis (SP), Santana da Ponte Pensa (SP), Fernão (SP), Águas de São Pedro (SP), Pompeia (SP), Antônio Prado de Minas (MG). 

Já as dez piores cidades brasileiras para habitar são: Turiaçu (MA), Mirinzal (MA), Campos Lindos (TO), Chaves (PA), Mocajuba (PA), Miguel Alves (PI), Manoel Urbano (AC), Lago Verde (MA), Riacho Frio (PI), Nova Mamoré (RO). Chama a atenção o fato de nenhuma cidade do Sul e Sudeste aparecerem nessa amostragem.

Para uma rápida visualização da lista com as 100 melhores cidades do Brasil em relação a bem-estar, confira o site da Exame. Para mais detalhes sobre o estudo, entre no site do Observatório das Metrópoles.

Especialmente indicado para você:

CIDADES BRASILEIRAS ESTÃO ENTRE AS MAIS VIOLENTAS DO MUNDO

SUSTENTABILIDADE: COMO É A LIMPEZA DAS NOSSAS CIDADES?