A cidade inteira se mobilizou para levar os golfinhos de volta ao mar, mas 163 deles não conseguiram

  • atualizado: 
Peponocephala electra

Quase 200 golfinhos da espécie Peponocephala electra encalharam na última terça-feira na praia de Altar e Ponta de Antónia, na ilha de Cabo Verde Boa Vista. Graças à colaboração de cidadãos e autoridades, 163 animais ainda vivos foram levados de volta ao mar, mas o esforço para salvá-los foi em vão: a maioria dos golfinhos ficou novamente encalhada.

Corpos sem vida foram encontrados novamente na praia, e supõe-se que apenas 27 espécimes tenham sobrevivido.

As operações de resgate envolveram mais de cem pessoas, incluindo o Ministério da Agricultura e Meio Ambiente, a Autoridade Marítima, a Polícia Nacional, organizações locais, empresas de turismo, cidadãos e turistas. Infelizmente, apesar do comprometimento de todos, os animais voltaram a encalhar na praia.

“Com o apoio das organizações locais, de turistas, das autoridades e de empresas conseguimos devolver as baleias cabeça-de-melão ao mar. Mas voltaram a encalhar e muitas morreram. Falamos de dezenas, mas ainda estamos a fazer o levantamento na praia, que fica longe”, explicou Samir Martins, da associação ambientalista BIOS.CV.

As razões para este incidente são desconhecidas. Nos próximos dias serão realizados testes nos corpos dos muitos golfinhos adultos, e dos inúmeros filhotes encontrados mortos, para descobrir a causa da morte.

Talvez te interesse ler também:

AS BALEIAS AQUIVALEM A 4 AMAZÔNIAS: ABSORVEM 40% DO CO2 PRODUZIDO EM TODO O MUNDO

MORREU TIKIRI: ELEFANTA NÃO RESISTIU DEPOIS DE TER SIDO FORÇADA A DESFILAR NA PARADA RELIGIOSA, APESAR DE SUA CONDIÇÃO

NO METRÔ DE LONDRES, EM VEZ DE ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS, FOTOS DE GATOS PARA ADOÇÃO

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!