Síndrome do Cachorro Preto: fotografias para combatê-la e promover adoções

Síndrome do Cachorro Preto

Uma série de fotos de cães negros sobre um fundo escuro. Esta é a grande idéia de Fred Levy, um fotógrafo de Maynard, Massachusetts, que recentemente lançou o Black Dogs Project para contar a história das dificuldades que os cachorros negros enfrentam quando estão esperando para serem adotados.

Embora não haja nenhuma estatística concreta, depois de ter falado com pessoas que trabalham em lojas pet e em abrigos para animais, Levy descobriu que, de fato, os cães negros são muitas vezes preteridos e ignorados pelas pessoas que procuram estes lugares com a intenção de adotar um animal.

O fenômeno é comumente referido como Síndrome do Cachorro Preto, um estereótipo contra animais de cores escuras, provavelmente inconscientemente arraigado nas pessoas através de representações de filmes e livros, pelo menos de acordo com o que dizem os especialistas.

"Às vezes os cães negros são vistos como os que causam mais medo nas pessoas e isso é muito injusto. Você pode levar uma mordida de um Chihuahua bege com muito mais facilidade do que um cachorro grande e preto", disse Speranza Hancock, diretora-executiva do Prevention of Cruelty to Animals of Wake County di Raleigh em Raleigh.

Fred Levy decidiu fazer a sua parte para lutar contra isso. O fotógrafoexplica: "Eu pensei que este projeto seria um bom desafio; e todos os cães têm uma grande história para contar. Quero conscientizar sobre este problema e lembrar às pessoas que estão procurando o cão perfeito, que os cães negros têm grandes personalidades."

Um cão deve ser adotado a priori, não importa de que cor seja. Os benefícios de quem adota e de quem é adotado são infinitos.

Para saber mais sobre o Projeto Cães Preto, clique aqui