A misteriosa morte de baobás na África

  • atualizado: 
baobás

Um fato misterioso vem intrigando a comunidade científica: a morte do baobá, árvore símbolo da Savana africana.

A descoberta dos cientistas é de que os maiores baobás e os mais antigos da África morreram nos últimos 12 anos, conforme informou a BBC. A suspeita dos pesquisadores é de que a causa da morte das árvores esteja relacionada às mudanças climáticas, embora ainda não haja provas concretas disso.

Os baobás são árvores enormes que podem viver centenas de anos, chegando até aos milhares de anos.

Uma pesquisa conjunta entre universidades da África do Sul, Romênia e Estados Unidos afirma que as mortes são "um evento de magnitude sem precedentes" e que não há causa epidêmica envolvida.

A equipe liderada pela pesquisador Adrian Patrut, da Universidade Babes-Bolyai (Romênia), diz que: "Suspeitamos que a morte desses baobás monumentais pode estar associada, pelo menos em parte, a modificações significativas das condições climáticas que afetam particularmente a África Austral (região também conhecida como África Meridional, formada pelo países do sul do continente. No entanto, pesquisas adicionais são necessárias para confirmar ou refutar essa suposição."

A morte dos baobás tem sido registrada desde 2005 através da técnica de datação por radiocarbono, que identifica a estrutura e determina as idades das árvores.

O que os cientistas averiguaram é que oito dos treze mais velhos e cinco dos seis maiores baobás morreram ou tiveram partes danificadas, de forma repentina. As árvores mortas ou que estão morrendo foram encontrados em diferentes países africanos: Zimbábue, Namíbia, África do Sul, Botsuana e Zâmbia. Os baobás têm cerca de 1.000 anos e alguns mais de 2.500 anos de idade.

À BBC News, Patrut disse que a sua equipe suspeita que ao fenômeno esteja associado “o aumento da temperatura e da seca” e que" é chocante e muito triste vê-los morrer".

Além de essas árvores milenares estarem morrendo, a sua morte afeta todo o ecossistema onde vivem, pois dão suporte à vida selvagem e são locais onde aves constroem ninhos.

É realmente muito triste que os baobás estejam morrendo. E, para conter a morte deles, caso se comprove que a causa seja o aquecimento global, sabemos que não há muito a ser feito no curto prazo, o que nos dá uma sensação de impotência. Tomara que não sejam encontrados mais baobás mortos...

Sobre esta incrível espécie, leia também: 

BAOBÁ: PROPRIEDADES E CURIOSIDADES DESTA ÁRVORE TÃO MAJESTOSA

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!