Abaixo-assinado cobra despoluição da Baía de Guanabara para Rio 2016

despoluição da Baía de Guanabara para Rio 2016

Já noticiamos, em outro momento, que a Baía de Guanabara, um dos símbolos da cidade do Rio de Janeiro não tem sido atendida, de maneira eficiente, por programas de despoluição de suas águas – leia mais aqui - ou seja, às vésperas de dois eventos internacionais, a Copa do Mundo e as Olimpíadas de 2016, pouco, ou quase nada, foi feito.

Felizmente, as pessoas tentam se mobilizar como podem para fazer com que sua união se transforme em apelo coletivo, para dar voz aos gritos de socorro silenciosos da natureza.

Com apoio da ONG My Green, de proteção ambiental, foi organizado uma petição pública para reunir o máximo de assinaturas possível, da população de todo o mundo, para que as autoridades “responsáveis” possam se voltar para esse problema tão urgente para a – outrora mais – bela paisagem do Rio de Janeiro.

Com o slogan: “Olimpíadas sem esgoto! Salve a Baía de Guanabara!”, a petição online cobra o cumprimento do compromisso previsto no documento de candidatura da cidade do Rio à sede dos jogos olímpicos de 2016, no qual estava explícito que seria despoluída uma parcela de, no mínimo, 80% das águas da Baía.

Além disso, a Constituição do Estado do Rio de Janeiro prevê que os dejetos de saneamento só possam ser despejados na Baía com, no mínimo, um tratamento primário da água, completo. Desse modo, lançar esgoto in natura nas águas da Baía constitui crime ambiental.

Se você gosta da iniciativa assine também a petição, clicando aqui!

Foto: Marco Cavallo