Ácido bórico é útil para tratar infecções, mas tenha cuidado!

  • atualizado: 
acido bórico

Muitos produtos que as pessoas usam no dia a dia trazem informações essenciais no rótulo, mas ainda não temos o hábito arraigado de lê-lo. Além disso, há ainda a cultura da automedicação que pode ser muito perigosa, tendo em vista que existem substâncias que podem fazer muito mal para a saúde, dependendo de quem a toma, e da quantidade ingerida. Esse é o caso, por exemplo, do ácido bórico.

Mais comum do que parece, demanda cautela na aplicação, tendo em vista que o mau uso pode levar até a morte.

Por isso, confira abaixo o que é exatamente essa solução, como deve ser usada e em quais casos é contraindicada.

O que é ácido bórico

O ácido córbico é uma substância, que pode ser encontrada em diversos produtos de perfumaria e farmacêuticos.

Também vendido em cápsulas, serve, principalmente, como um antisséptico e adstringente, tendo em vista que possui propriedades antibacterianas, antifúngicas e antivirais.

Ele está presente, por exemplo, na água boricada, em esmaltes de unhas, talcos, pomadas para assaduras, tintas, cremes para a pele, soluções de uso oftalmólogico, entre outros.

Também compõe produtos inseticidas, adubos e retardantes de chamas.

Usos (aplicações) do ácido bórico

O ácido bórico é comumente usado em

Pode ser encontrado nas farmácias, e seu uso é sempre tópico, e não oral.

Além destes usos medicinais, a substância é utilizada na agricultura, como inseticida e adubo, e também como retardante de chamas na fabricação de diversos produtos.

Indústrias de fundição, vidro e queima de carvão também fazem utilização desse produto.

Mas atenção para sua toxicidade

Apesar de ser uma substância importante para o organismo, tendo em vista que é encontrado até na alimentação, altas dosagens de ácido bórico podem provocar uma série de danos à saúde, que podem ser fatais.

Ele não é utilizado por via oral, justamente por causa dos perigos que traz, já que é bem absorvido pelo trato gastrointestinal e por inalação.

Riscos de ingestão de ácido bórico

Entre os riscos do uso oral do ácido bórico estão:

  • náuseas e vômitos,
  • diarreias,
  • cólicas,
  • irritação nos olhos e no sistema respiratório,
  • queda da pressão sanguínea, l
  • etargia,
  • choque
  • e até a morte.

Contraindicações

Pessoas alérgicas não devem utilizar o produto, assim como as grávidas, crianças menores de 2 anos e animais domésticos.

O ácido bórico é contraindicado também em casos de perfuração ou escoriação no tímpano, corte nos olhos ou raspagem da córnea e feridas abertas.

Nunca se automedique

Existem estudos em andamento mostrando que a substância possui um potencial de causar danos ao sistema nervoso, reprodutor e endócrino.

Por tudo isso, vale a pena ficar de olho na embalagem dos produtos na próxima vez que for à farmácia ou supermercado. Nunca se automedique e procure ajuda profissional para qualquer mal-estar que tiver.

Talvez você se interesse em ler também:

setaNUNCA SE AUTOMEDIQUE: ANTI-INFLAMATÓRIOS SÃO UM PERIGO!

seta

AÇAÍ TEM MUITOS BENEFÍCIOS, MAS ATENÇÃO PARA OS MALEFÍCIOS

setaCARAMBOLA: É UMA BOA FRUTA, MAS PODE SER MUITO PERIGOSA...

setaCANELA - DIFERENCIE A VERDADEIRA DA FALSA E APRENDA SOBRE OS USOS DE AMBAS