repeler mosquitos

Vitaminas do Complexo B repelem mosquitos?

Com a chegada das épocas de chuva e calor, são “esperados” também os mosquitos transmissores de doenças como a dengue, zika, malária e chikungunya. No entanto, para conseguir manter esses mosquitos longe de nossas vidas, diversos repelentes alternativos são sugeridos, dentre eles as vitaminas do complexo B.

Muito se ouve por aí sobre o fato de ingerir vitaminas do complexo B para afastar mosquitos e pernilongos.

Apesar de ser um remédio de conhecimento popular, e que talvez muita gente recomende por acreditar que funcione, não há comprovações científicas sobre essa tese.

Inclusive, vários testes foram realizados, onde voluntários foram submetidos à ingestão de vitaminas do complexo B e outros não. O resultado foi que algumas pessoas foram picadas e outras não, o que levou os cientistas a concluírem que o fato dos mosquitos se sentirem atraídos ou não, depende única e exclusivamente do tipo de pessoa, pois nem todas atraem insetos da mesma forma (independente de ingerirem vitamina B ou não).

Vamos aos fatos

Primeira reportagem: “Biólogo alerta sobre mitos e verdades para repelir o mosquito da dengue”.

Nesta matéria, o biólogo Adalberto da Cunha, de Araraquara, diz que o primeiro passo para evitar o mosquito da dengue é não deixar água parada. Depois ele fala sobre os repelentes naturais e caseiros como as velas aromáticas, limão com cravo, comer alho e até sobre as vitaminas do complexo B.

Sobre esse assunto, o biólogo é bem categórico: “no caso da vitamina B, só se tomássemos alguns litros para aumentar a transpiração”. Ou seja, mesmo tomando suplementos de vitamina B, várias vezes ao dia, eles não seriam eficazes para repelir mosquitos como os da dengue.

Segundo o biólogo, a maneira mais eficiente ainda é a utilização dos repelentes industriais, porém há controvérsias com relação a sua duração e pelo fato de ser tóxico.

Uma boa sugestão indicada por ele e que eu mesma já fiz, é a mistura de cravo-da-índia com álcool (no meu caso eu utilizei o álcool de cereais e acrescentei óleo essencial de citronela). Deixe a mistura em um recipiente escuro e fechado por 3 dias, mexendo duas vezes ao dia e depois é só colocar em um borrifador para passar no corpo. Pelo menos para mim funciona.

E por falar em “pelo menos para mim funciona”, até isto foi discutido nas matérias selecionadas, pois de acordo com médicos e pesquisadores, algumas pessoas atraem mais os mosquitos do que outras, e isso depende do odor que exalam.

Talvez seja por isso que suplementos de vitamina B sejam muito indicados para este fim, pois o que se sabe é que em altas quantidades, a vitamina B é expelida pela pele, provocando um cheiro que repelem os mosquitos. Mas até médicos de grandes universidades, como a UFRJ por exemplo, e técnicos da saúde pública, divergem suas opiniões sobre este assunto.

Enquanto os médicos da Universidade Federal do Rio de Janeiro indicam a vitamina B para repelir mosquitos, os técnicos da Secretaria de Saúde Pública discordam alegando que não há comprovação científica sobre a eficácia da vitamina B no combate aos mosquitos da dengue.

De acordo com a bióloga Karlla Patrícia, em seu Diário de Biologia, essa confusão começou a ocorrer, pois na década de 1960 surgiram alguns trabalhos científicos que afirmavam que ingerir três doses de vitamina B três vezes ao dia, ajudava a produzir um odor na pele que repelia os mosquitos.

Segundo Karlla, essa prática fez com que surgissem várias especulações de que as pessoas com carência de vitaminas do complexo B atraíam mais insetos do que aquelas que não tinham carência de nenhuma vitamina. Mas ao que parece, isso não é verdade, o que ocorre é que algumas pessoas simplesmente atraem mais mosquitos do que outras.

“As fêmeas (são elas que precisam do nosso sangue para desenvolver seus ovos) são atraídas pelos odores que exalamos pelo corpo. Assim, qualquer produto que a pessoa ingira confundirá a fêmea quando for exalado pelo organismo. Só que, para realmente repelir os insetos, seria necessário ingerir uma quantidade enorme do alimento repelente (como o alho, por exemplo), no caso da vitamina B, seria um grande risco ao organismo, pois o excesso dessa vitamina pode fazer mal”.

Estudos sobre a eficácia da vitamina B como repelente

Karlla conclui sua explicação comentando sobre um estudo realizado em 2005, onde os cientistas fizeram com que um grupo de pessoas tomasse suplementos de vitamina B diariamente durante oito semanas, enquanto outro grupo tomava vitamina C e um terceiro grupo não tomava nenhum suplemento.

A cada 15 dias, enxames de mosquitos eram utilizados pelos cientistas para verificar se os suplementos tiveram efeito. Apesar de cada pessoa atrair os mosquitos em graus diferentes, não houve nenhuma evidência de que a vitamina B ajudou a afastá-los.

No Brasil esse teste foi realizado com animais, onde foram dadas algumas gotas de vitamina B a eles. Ao serem expostos às fêmeas do mosquito Aedes aegypti, não foram encontradas nenhuma evidência no grau de atratividade dos mosquitos.

E, para finalizar, o Dr. Sanjay Gupta, médico chefe correspondente da CNN, esclarece a dúvida de um leitor que fala sobre a sua ida à Bolívia a trabalho, onde foi instruído a tomar suplemento de vitamina B12 para repelir os mosquitos causadores da malária.

O que o Dr. Gupta explica é que ingerir produtos como alho e vitamina B12 para repelir mosquitos é uma afirmação infundada e que as vitaminas do complexo B não são repelentes de mosquitos.

Segundo ele, a melhor forma de repelir esses mosquitos é com produtos que contenham DEET (dietiltoluamida), picaridina e os que contenham óleo de eucalipto ou de limão. Mas há quem discorde também nisso, o problema seria o aumento da resistência dos mosquitos s estes “venenos”.

O que fazer?

O Centro de Prevenção de Doenças recomenda em todo caso o uso de roupas de cor clara, de manga comprida e calças ao ar livre, aplicando o repelente inclusive nas roupas.

Crianças pequenas podem ser protegidas com mosquiteiros no carrinho, assim como a barreira física feita por mosquiteiros em casa, plantas repelentes e até repelentes naturais que impedem a aproximação dos mosquitos pelo cheiro, podem funcionar.

Claro que em casos de surtos de mosquitos transmissores de doenças, todo o cuidado é pouco e aí vale tudo, até vitaminas do complexo B, com a devida prescrição médica, mal não deve fazer, principalmente para veganos e vegetarianos que podem ter carência especialmente em vitamina B12.

Talvez te interesse ler também:

REPELENTES CASEIROS FUNCIONAM? O QUE DIZEM OS ESPECIALISTAS?

REPELENTE EM CRIANÇAS E BEBÊS PODE? O QUE USAR?

20 PLANTAS QUE VÃO TE AJUDAR A REPELIR OS INSETOS DA CASA E PRAGAS DO JARDIM

Sobre Eliane A Oliveira

Eliane A Oliveira
Formada em Administração de Empresas e apaixonada pela arte de escrever, criou o blog Metamorfose Ambulante e escreve para GreenMe desde 2018.

Veja Também

614G: a mutação que fez o coronavírus se espalhar pelo mundo

Vírus mutam. Dizem os virologistas que é da natureza deles mutarem para sobreviverem, e algumas …