Impinge
Impinge

Impingem – Veja o que é e Os Tratamentos caseiros Mais Eficazes

Será que você pegou impingem? Vejamos o que é esta doença, quais são as suas características, seus sintomas, e tratamentos. Veja também como evitar o contágio e prevenir novas infecções.

O QUE É IMPINGEM

É uma doença de pele causada por fungo (micose) também conhecida por dermatofitoses, tinhas ou frieiras, é muito contagiosa, causa purido e lesões.

As infecções são causadas por fungos que digerem queratina (os chamados de dermatófitos) dos gêneros Epidermophyton, Microsporum e Trychophyton.

Das dermatofitoses, a Tinea corporis é a mais comum e muitos dão o nome impinge à esta infeção, que é causada pelos fungos Microsporum canis ou pelo Trychophyton mentagrophytes.

OS SINTOMAS DA IMPINGEM

  • aparecimento de pequenas vesículas de líquido claro que mais tarde se secam, amarelam ou ficam avermelhadas.
  • aparecem prevalentemente no tronco, na virilha, no rosto e nos braços
  • as manchas tem as bordas mais grossas e mais avermelhadas e o interior, possui uma coloração mais clara
  • causa prurido inclusive podendo ser intenso
  • pode causar inchaço no local
  • as manhas podem se espalhar para outros locais do corpo

O QUE FAZER SE UMA CRIANÇA TIVER IMPINGEM

A criança não deve ir à escola porque a impingem é muito contagiosa e pode passar para seus amiguinhos.

A criança deve ser levada ao pediatra para eventualmente receitar alguma pomada ou tratamento. Veja a seguir como evitar novas lesões, como prevenir reinfecções.

COMO PREVENIR IMPINGEM

  • Lave sempre as mãos
  • Deve-se evitar o contato com quem esteja infectado
  • Evitar especialmente o contado com as lesões
  • Evitar contato com objetos de uso pessoal da pessoa infectada (toalhas, roupa de cama, etc).
  • Ao fazer o tratamento com pomadas, ou os tratamentos caseiros, deve-se lavar bem as mãos ou usar luvas para evitar que as lesões se espalhem de um lugar a outro.
  • Lave os objetos pessoais com água quente e sabão (roupas, bonés, talheres e copos)
  • Lave separadamente a roupa de cama da pessoa infectada, bem como suas roupas
  • Evite contato com as roupas de deitar-se na cama da pessoa infectada. Os tecidos podem hospedar o fungo e transmiti-lo.
  • Evite compartilhar roupas, bonés, objetos pessoais
  • Enxugue bem o corpo depois do banho
  • Use roupas de algodão que permitem a pele suar

REMÉDIOS NATURAIS CONTRA IMPIGEM

Alguns tratamentos caseiros podem ser eficazes para combater a impingem mas tudo depende do quão regularmente eles serão feitos, do grau da doença, avançada ou não e, claro, da reação aos tratamentos em cada pessoa infectada.

O inconveniente destes tratamentos naturais é que eles podem levar mais tempo para mostrarem resultados.

Contudo, deve-se dizer porém que as tinhas não costumam ser perigosas pois o fungo se alimenta das células mortas, do corpo, pele, unhas ou pelos e não consegue invadir internamente o organismo mas, como o tratamento da impingem pode ser difícil, os fungos podem ser resistentes e a doença é chata, coça, infecta e tem uma aparência horrível, talvez seja necessário partir para o tratamento convencional, indicado pelo médico.

No entanto, seguem algumas receitas popularmente conhecidas:

Alho, um antifúngico natural

O alho é um antifúngico natural e em casos leves podem funcionar se as lesões forem tratadas logo no início.

Esmague 2 dentes de alho e deixe-os repousar em água durante pelo menos 6 horas. Use esta água para lavar as lesões 2 ou 3 vezes por dia.

Repolho acalma a coceira

Use folhas de rolho para acalmar o prurido. Amasse as folhas de repolho previamente bem lavadas até formarem uma pasta. Aplique esta pasta sobre as lesões, Deixe agir sobre as lesões por algumas horas e lave-as normalmente depois.

Babosa

A babosa é ótima praticamente para qualquer problema de pele (exceto, claro para quem for alérgico a esta planta). Passe o gel da babosa sobre as lesões e deixe que o gel se seque sobre elas. Faça o tratamento várias vezes por dia.

Açafrão

Açafrão também pode ajudar a secar as lesões pois é um anti-inflamatórios natural. Use-o em pó umedecido com vinagre de maçã sobre o local, 2 vezes por dia.

Limão

O limão também tem propriedades antibióticas. Esprema o limão sobre o local e deixe secar. Repita a operação algumas vezes ao dia e cuidado com o sol, pois o limão mancha a pele.

TRATAMENTO PARA IMPINGEM

Mas os remédios naturais, devemos dizer, nem sempre funcionam porque fungos são bichinhos resistentes e tinhosos. É sempre aconselhável procurar um médico, neste caso, um dermatologista, especialmente em caso de crianças e idosos infectados.

O médico provavelmente irá prescrever pomadas ou cremes antifúngicos e dependendo do caso, algum remédio via oral também. Somente um médico especializado pode indicar o melhor tratamento.

Os cremes geralmente são aplicados durante um mês, para serem passados 1 ou 2 vezes ao dia sobre as lesões.

As lesões podem desaparecer logo (nas primeiras semanas) mas o tratamento deve prosseguir, mesmo sem os sintomas, para evitar o reaparecimento delas.

Os medicamentos mormente utilizados são feitos com os seguintes princípios ativos: terbinafina, amorolfina, ciclopirox olamina, cetoconazol, fuconazol, naftifina.

PROCURE UM MÉDICO

Apesar de alguns medicamentos antifúngicos serem vendidos sem receita, é importante que um médico seja consultado para, primeiramente fazer o diagnóstico certo, e para poder indicar o creme e o tratamento justo para cada caso em particular.

Fonte foto

Sobre Redação GreenMe

Redação GreenMe
greenMe.com.br é um site de informação sobre meio ambiente e saúde, criado para levar ao grande público, a consciência de que um mundo melhor é possível, através de um comportamento respeitoso com todas as formas de vida.

Veja Também

Reumatismo: os primeiros sintomas e como prevenir

O reumatismo é uma doença que atinge as cartilagens e as articulações provocando muita dor, …