Costa Rica

Costa Rica de incríveis belezas naturais: onde fica, quanto custa e o que visitar

A Costa Rica é um país localizado na América Central. É destino de muitos aventureiros e ambientalistas. Vamos conhecer mais sobre esse país que tem belezas naturais incríveis?

Onde fica e um pouco de sua história

A Costa Rica é banhada a leste pelo mar do Caribe e a oeste pelo Oceano Pacífico. Faz fronteira ao norte com a Nicarágua e ao sul com o Panamá.

A capital é San José, onde, em 1969, ocorreu a Convenção Americana de Direitos Humanos. San José é sede da Corte Interamericana de Direitos Humanos, órgão competente para julgar as graves violações de direitos humanos ocorridas nos países signatários.

A Costa Rica tornou-se um exemplo de democracia para a América, chegando a abolir as suas Forças Armadas em 1948, substituindo-a pela Força Nacional, que não deixa de ser fortemente militarizada. Diferentemente de outros países do continente americano, a Costa Rica não sofreu golpes militares e não viveu governos ditatoriais.

Entretanto, a “Suíça americana”, como ficou conhecida a Costa Rica, ganhou esse título por sua “amigável” relação com os Estados Unidos. Em 1948, grupos de esquerda contestaram o resultado da eleição, desencadeando uma guerra civil que levou ao poder José Figueres Ferrer. A junta revolucionária aboliu o Exército e empossou o candidato vencedor, Otilio Ulate Blanco. Mas, em 1953, Figueres voltou ao poder instituindo uma agenda social-democrata para a Costa Rica.

A partir da década de 1980, o país contraiu uma grande dívida externa e lançou um programa de austeridade para salvar as suas contas públicas. Isso gerou um alto grau de dependência com os blocos de poder do norte, sobretudo, com os Estados Unidos.

É sabido que os Estados Unidos têm enorme influência militar e ideológica sobre os países da América Central e, no caso da Costa Rica, embora aliada da potência do norte, é um país que conseguiu manter a sua democracia e a luta pelos direitos humanos e pela sustentabilidade.

A Costa Rica ocupa o quinto lugar mundial na classificação do Índice de Desempenho Ambiental de 2012 e o primeiro lugar entre os países do continente americano. Isso contribuiu para o país ter uma posição competitiva na classificação do Índice de Competitividade em Viagens e Turismo.

Passeios imperdíveis

Embora possa parecer pequeno, é desejável alugar um carro para conhecer o país. Mas, se o dinheiro não permitir, o jeito é fazer um mochilão deslocando-se de ônibus.

O site Pure Viagem dá dicas de passeios pela Costa Rica a depender do tempo disponível para a viagem (de 3 dias a 1 semana), para que você escolha o melhor roteiro dentro dentro da sua possibilidade temporal. Por exemplo, alguns dos lugares indicados para roteiros curtos estão:

Capital San José

san jose

Não faltam pontos de interesses para aventurar-se pela Costa Rica, a começar por sua capital. O circuito histórico de San José é imperdível!

Lugares como o Teatro Nacional, construído no século XIX, a Catedral Metropolitana, o Museu del oro Precolombino são alguns atrativos da capital costarriquenha.

A história do Teatro Nacional é muito interessante. Construído em 1890, destaca-se por sua arquitetura. Uma famosa cantora da época recusou-se a cantar na Costa Rica por não haver um local adequado para a sua performance. Isso estimulou os barões de café do país a financiarem a construção do teatro.

Além de apreciar as construções coloniais da capital, um passeio curioso que ajuda a conhecer, também, a história do país é pelo Café Britt, onde o turista fica sabendo como café é plantado e processado no país. O café costarriquenho é um dos mais famosos e apreciados do mundo.

Praias e vulcões

volcao arenal

Saindo da capital, começa um festival de atrações naturais. A Costa Rica não é apenas famosa por seu delicioso café. Os seus vulcões são, também, fonte de curiosidade dos visitantes. Um deles é o Vulcão Arenal, com 1.633 metros de altitude. O diâmetro de sua cratera mede cerca de 140 metros. Até 1968 ele foi considerado inativo, até entrar em erupção após 400 anos de inatividade.

Ao redor da montanha onde está o vulcão, é possível conhecer trilhas, rios de água cristalina, cachoeiras, cânions e fazer tirolesa. Próximo ao vulcão estão as águas termais das Termas de Tabacón, cuja cidade-base é La Fortuna.

volcao poas

Outro vulcão bastante visitado é o Poás, que está em atividade. Para chegar até ele, é preciso caminhar cerca de 2700 metros, mas ao final a recompensa vale a pena! De cima, você vai avistar lagos coloridos e ter, ainda, uma vista panorâmica para a capital. É indispensável ir cedo e levar roupa de frio, pois a temperatura no topo do vulcão pode chegar a menos 15ºC.

Se você quiser curtir uma praia na Costa Rica, uma dica é a cidade de Jacó, que conta com uma boa infraestrutura turística. Na verdade, a praia tem uma estrutura para “americano ver”, diferentemente de outras mais rústicas. Em Jacó encontram-se resorts, restaurantes e hotéis internacionais. As praias estão no Pacífico e são boas para a prática de surf.

Se você prefere o estilo mais rústico, uma boa opção são as praias do Parque Nacional de Cahuita, localizado no mar do Caribe. O que esperar desse lugar? Praias com águas cristalinas em tons de azul e verde. Lá existe uma trilha de cerca de 8 km na qual você poderá não apenas desfrutar do mar como ter contatos com os animais locais, como macacos e preguiças.

Outra praia situada na costa caribenha é a Praia de Punta Uva, considerada uma das mais bonitas do país. Seu mar verde azulado tem uma temperatura perfeita para relaxar, convidando a permanecer o dia inteiro nesse paraíso. Em dias de mar tranquilo, é possível mergulhar no mar.

Parque Nacional Manuel Antonio

parque manuel antonio

Esse é um dos parques mais visitados da América Central por seu deslumbrante mix de paisagens: praia com floresta tropical num mesmo lugar! Embora seja um reserva ecológica, o parque conta com uma boa infraestrutura hoteleira, de restaurantes e pousadas. O lugar é ótimo para a prática de surf e mergulho devido às suas águas cristalinas.

O parque está a 170 km de San José e seu município-sede é Quepos. As atividades locais incluem caminhadas, rafting, canoagem, arvorismo, observação de aves, pesca esportiva, tirolesa, além de agitação noturna e bons restaurantes. Passeando pelo parque, você vê diversos tipos de vegetação e animais, como macacos e guaxinins.

Confira no Brasileiras pelo Mundo mais atrações belíssimas da Costa Rica.

Um pouco da cultura costarriquenha

Você sabia que a Costa Rica tem um dos conservatórios de música mais importantes da América?

Além da música erudita, os costarriquenhos conservam suas tradições folclóricas, sendo uma delas a dança nacional chamada punto guanacasteco.

Outro tipo de dança típica do país é a la yegüita. Nessa dança há uma espécie de procissão onde um homem está vestido de cavalo.

A culinária local é bastante rica, incluindo frutos do mar e vegetais. Como acompanhamento, arroz e feijão preto – alimentos comuns em outros países latino-americanos. Um prato bastante apreciado pelos costarriquenhos é o filé peroba grelhado.

Os melhores períodos para visitar

O site Tempo de Viajar indica como melhor época do ano para visitar a Costa Rica os meses de março e abril ou início de dezembro. Entre este mês e fevereiro é o pico turístico, por causa das férias, assim como em julho e agosto, quando os preços ficam mais elevados com a chegada dos turistas estadunidenses e europeus.

Quanto custa e como economizar

Com a atual alta do dólar, viajar para o exterior não está nada barato – ainda mais para a Costa Rica, país conhecido por ser um pouco caro para nós, brasileiros. Mas, é claro, que sempre há como economizar, ficando em hostels e selecionando os restaurantes onde comer.

O site Amanda Viaja traz dicas muito boas sobre os custos de viagem na Costa Rica, mostrando preços de passeios, hospedagem, aluguel de carro, internet e passagem aérea.

Agora que você conheceu um pouco da Costa Rica, que tal programar uma viagem para conhecer esse país que é “pura vida”, como dizem os costarriquenhos?

Gostou de nossas dicas? Conheça a seção VIAJAR do nosso site.

Talvez lhe interesse ver também:

FÉRIAS EM BOSTON: MOTIVOS PARA CONHECER A CAPITAL DE MASSACHUSETTS

VAI PRA PORTO, PORTUGAL? VEJA OS 3 PARQUES QUE NÃO PODES DEIXAR DE CONHECER

JERICOACOARA: 10 MOTIVOS PARA CONHECER ESSE LUGAR INCRÍVEL

Sobre Gisella Meneguelli

Gisella Meneguelli
É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.

Veja Também

Verão para todos: o mar de inclusão e de acesso às praias do Brasil

O verão é uma das estações mais aguardadas do ano e o principal destino de …