semáforo dançante em Lisboa

O semáforo dançante: em Lisboa um experimento urbano para tornar os cruzamentos mais seguros

Ninguém gostar de ficar em pé, parado no semáforo, esperando que ele se abra. Muitas vezes, na pressa e na impaciência, pedestres acabam por atravessar no vermelho, arriscando a própria vida.

Mas e se a espera fosse interessante? Talvez dançando com outros pedestres, em vez de ficar parado, provavelmente poderia se evitar de fazer a perigosa travessia.

Foi assim que nasceu o primeiro Dancing Traffic Light, o semáforo dançante inventado pela Smart e instalado em um cruzamento de Lisboa.

foto

E quem ensina a coreografia é o homenzinho vermelho do semáforo que, improvisamente começa a dançar convidando quem o vê a fazer os mais diversos passos de dança. A poucos metros de distância do semáforo, instalaram uma pequena sala de dança, na qual os pedestres são convidados a entrarem e dançarem. E são os próprios movimentos destes que, registrados pelas câmeras, são então replicados pelos semáforos das proximidades.

foto

Veja a surpresa e o entusiasmo de quem passa por ali:

Muito legal e também muito seguro. 80% das pessoas que passaram pelo semáforo dançante, pararam no vermelho 🙂

Fantástico!

Sobre Daia Florios

Daia Florios
Ingressou no curso de Ecologia pela UNESP e formou-se em Direito pela UNIMEP. É redatora-chefe e co-founder de GreenMe Brasil.

Veja Também

É preciso ter fé: Kobra retrata união das nações diante da pandemia do coronavírus

Diante da emergência pela pandemia do novo coronavírus, algumas iniciativas lindas vêm surgindo. Uma destas é …