O semáforo dançante: em Lisboa um experimento urbano para tornar os cruzamentos mais seguros

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Ninguém gostar de ficar em pé, parado no semáforo, esperando que ele se abra. Muitas vezes, na pressa e na impaciência, pedestres acabam por atravessar no vermelho, arriscando a própria vida.

Mas e se a espera fosse interessante? Talvez dançando com outros pedestres, em vez de ficar parado, provavelmente poderia se evitar de fazer a perigosa travessia.

Foi assim que nasceu o primeiro Dancing Traffic Light, o semáforo dançante inventado pela Smart e instalado em um cruzamento de Lisboa.

foto

E quem ensina a coreografia é o homenzinho vermelho do semáforo que, improvisamente começa a dançar convidando quem o vê a fazer os mais diversos passos de dança. A poucos metros de distância do semáforo, instalaram uma pequena sala de dança, na qual os pedestres são convidados a entrarem e dançarem. E são os próprios movimentos destes que, registrados pelas câmeras, são então replicados pelos semáforos das proximidades.

foto

Veja a surpresa e o entusiasmo de quem passa por ali:

Muito legal e também muito seguro. 80% das pessoas que passaram pelo semáforo dançante, pararam no vermelho 🙂

Fantástico!

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Ingressou no curso de Ecologia pela UNESP e formou-se em Direito pela UNIMEP. É redatora-chefe e co-founder de GreenMe Brasil.
Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Instagram
Siga no Facebook