16 de Outubro é Dia Mundial da Alimentação. Objetivo Fome Zero em 2030

  • atualizado: 
Dia Mundial da Alimentação

Seremos capazes de superar o paradoxo absurdo de nossa era? É possível acabar com a fome no mundo? A resposta é sim! #FomeZero em 2030!

Podemos fazer a nossa parte para alcançar tal objetivo, escolhendo um estilo de vida mais justo e sustentável, olhando para o nosso modelo de produção de alimentos, combatendo o desperdício.

A solução para chegar ao objetivo #FomeZero é hoje em dia já bem conhecida, mas infelizmente ainda estamos aqui para falar sobre isso, porque muito pouco vem sendo feito para alcançá-lo.

Por esta razão, a data de hoje, Dia Mundial da Alimentação - estabelecido pela FAO no aniversário de sua fundação (16 de outubro de 1945), objetiva acabar com a fome no mundo em até 2030.

Vale ressaltar que o nível global de produção de alimentos é responsável por um quinto das emissões de gases de efeito estufa, enquanto a produção de ração animal responde por 40% da produção agrícola mundial. Em suma, em outras palavras, alimentamos mais os animais que usamos para o consumo de carne e produtos lácteos, do que pessoas que sofrem de fome.

E essas pessoas, infelizmente, ainda são tantas. Mesmo que a fome e a desnutrição tenha se reduzido nos últimos anos, ainda existem 51 países no mundo onde a situação resta "grave e preocupante".

O absurdo paradoxo da nossa era

O Global Hunger Index (GHI) 2018 mostra que os níveis mundiais de fome e desnutrição são muito preocupantes em 51 países ao redor do mundo. Dos 79 países com um nível de fome moderado, severo, alarmante e extremamente alarmante, apenas 29 alcançarão o Objetivo Fome Zero estabelecido pelas Nações Unidas em até 2030.

Globalmente, cerca de 124 milhões de pessoas sofrem de fome aguda, enquanto 151 milhões de crianças são afetadas por desnutrição e déficit de crescimento e 51 milhões por fraqueza.

Em contraste, 1,9 bilhão de pessoas, mais de um quarto da população mundial, está acima do peso. Os obesos são 672 milhões e 3,4 milhões de pessoas morrem a cada ano por problemas relacionados à obesidade.

Um paradoxo de nossa sociedade moderna a ser erradicado, ao que se acrescenta outro fato absurdo: no mundo, um terço da comida produzida é desperdiçada (jogada no lixo), até mesmo antes de ser comercializada.

Países onde não se come

As regiões do mundo mais afetadas são o sul da Ásia e a África ao sul do Saara. Nestas duas regiões, há as maiores taxas de desnutrição na população, nanismo, decadência e mortalidade infantil. Na África, ao sul do Saara, há uma taxa de desnutrição de 22%, que afeta condições climáticas adversas, instabilidade política e conflitos prolongados. Entre os países onde a desnutrição está mais presente estão o Zimbábue (46,6%) e a Somália (50,6%). Na África subsaariana estão os países com a maior taxa de mortalidade infantil abaixo de 5 anos começando com a Somália (13,3%), Chade (12,7%) e República Centro-Africana (12,4%), único país com nível de fome extremamente alarmante. 

"O mundo tem feito progressos substanciais no combate à fome, mas a uma velocidade não rápida o suficiente para atingir o objetivo Fome Zero em 2030. O Índice Global da Fome contém uma mensagem clara - diz Daniela Bernacchi, CEO e Diretora Geral da Cesvi, uma ONG italiana para a cooperação e o desenvolvimento - requer esforços combinados de vários atores, incluindo a comunidade internacional, os governos nacionais e a sociedade civil, para abordar a crise alimentar no mundo onde a situação ainda é alarmante. Mas responder à emergência não é suficiente: é preciso aumentar os investimentos e promover programas de desenvolvimento a longo prazo nas regiões mais críticas. A fome é um perigo persistente que ameaça a vida de milhões de pessoas, muitas das quais vivem o drama do deslocamento forçado".

O incrível desperdício de comida!

Os números sobre o desperdício de comida são absurdos. 30% de toda a comida produzida no mundo vai parar no lixo. "O desperdício responde por 46% da quantidade de comida que vai parar no lixo. Já as perdas — que ocorrem sobretudo nas fases de produção, armazenamento e transporte — correspondem a 54% do total".

O que você pode fazer para combater a fome no mundo

A própria FAO dá as dicas para conseguirmos alcançar o objetivo #FomeZero

  • Não jogue comida fora em nenhuma hipótese (no restaurante peça para levar as sobras)
  • Para podermos alimentar a população que deverá crescer e chegar aos 9 bilhões em 2050, é preciso diversificar culturas, melhorar a qualidade dos solo e encontrar novas formas de cultivar alimentos, que sejam mais produtivas.
  • Adote uma dieta mais saudável e sustentável. Quanto menos elaborada for a comida, mais saudável ela é. Menos comida pronta e mais comida feita em casa. Mais orgânicos, menos carnes. Mais alimentos produzidos a quilometro zero.
  • Defenda o objetivo #FomeZero. Compartilhe estas informações com tua rede de amigos

E Um Feliz Mundial da Alimentação para todos. #FomeZero em até 2030

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!