Se você quer “pegar geral” na balada, precisa dançar assim! Diz estudo

A dança tem múltiplos significados, mas cientistas acreditam que ela tem a ver também com a sedução e, segundo eles, existem movimentos que são particularmente mais atraentes.

Estudos que provam isso foram conduzidos por psicólogos da Universidade de Northumbria, em Newcastle, Inglaterra, usando avatares gerados por computador para descobrir o que as mulheres gostam e o que os homens gostam quando alguém do sexo oposto dança.

No primeiro estudo publicado na Biology Letters, os pesquisadores recrutaram 19 homens e os fizeram dançar ao som da dance music alemã. Então eles criaram avatares sem rosto de homens dançando e os transformaram em clipes de 15 segundos.

Os homens que mais atraíram as mulheres foram os que moveram a parte superior do corpo, usando muito espaço e movimentos variados. Mas também, curiosamente, aqueles que realizaram flexões e torções mais rápidas com o joelho direito.

Segundo os pesquisadores, essa preferência pelo joelho direito dependeria do fato de 80% de todas as pessoas colocarem o peso sobre a perna esquerda, usando-a como uma âncora, ao contrário da direita que pode se dedicar a “coisas mais imaginativas”.

Abaixo está o avatar de um homem que, diante das mulheres, não dança muito bem.

E aqui está o avatar masculino que dança bem.

Por outro lado, para verificar o que os homens heterossexuais gostavam, os pesquisadores de um segundo estudo, publicado na Scientific Reports, pediram a 39 estudantes que dançassem uma música de Robbie Williams. Eles então usaram o mesmo processo, criando um avatar sem rosto para que a dança fosse julgada independentemente de outros atributos físicos.

Os homens preferiram mulheres que incluíam movimentos mais pronunciados do quadril, movimentos assimétricos das pernas e níveis médios de movimentos assimétricos dos braços.

Aqui está o avatar de mulheres que, de acordo com os homens, não dançam de maneira atraente.

E o avatar daquelas que atraem.

Mas será que um avatar seria suficiente para nos ensinar como dançar para ser atraente?!

De nossa parte, preferimos continuar dançando como gostamos, mas se você realmente quiser tentar, quem sabe se os movimentos “certos” selecionados pelos cientistas poderiam ser úteis? Pelo menos entre os heterossexuais, dado que o estudo esqueceu de examinar as preferências daqueles que são homossexuais. Interessante!

Talvez te interesse ler também: 

A maneira como dançamos é única para cada um de nós e nos identifica com a mesma precisão da impressão digital

Ballet adulto → Quem dança os males espanta! Nunca é tarde para começar

Ballet: 10 benefícios para cair na dança

Formada em Administração de Empresas e apaixonada pela arte de escrever, criou o blog Metamorfose Ambulante e escreve para GreenMe desde 2018.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook