DREAD → Significado Espiritual e Origem

  • atualizado: 
dreads

O estilo pessoal pode ser uma expressão da identidade, uma conveniência, pode ainda significar uma cultura, uma crença, uma afirmação. Nesse sentido, certamente você já se pegou pensando o que significam os dreadlocks, aqueles fios entrelaçados, geralmente longos, muito usados na cultura Rastafári.

A origem e as implicações espirituais, políticas e sociais vão longe. A começar do nome: dread é uma palavra que, em inglês, significa medo. Já lock pode ser traduzido como “cachos de cabelo”. Em um sentido literal, dreadlock quer dizer “cachos que dão medo”. E esse significado tem tudo a ver com a história desse estilo de cabelo.

A Origem dos dreads

Os dreadlocks são muito antigos e datam da antiguidade. Há registro de uso de dreads entre 200 e 800 D.C. Sendo que as primeiras referências do uso desse estilo vêm da África e Índia.

Várias tribos africanas usam dreads há muito tempo e o significado literal da palavra dreadlock faz referência, possivelmente, aos guerreiros do leste africano que usavam esse tipo de cabelo como forma de intimidar o inimigo.

Na Índia, os Saddus do Hinduísmo usam dreadlocks como forma de homenagear a deusa Shiva, que tinha também fios entrelaçados e compridos.

No Japão também existem seitas que usam dreads, como é o caso dos “rasta-budistas”, bem como na Nova Zelândia, entre outros lugares.

dread 2

Um pouco de história

Os dreads se popularizaram na Jamaica, após o fim da escravidão em 1834. Vários ex-escravos passaram a adotá-los como forma de afirmação da própria cultura e de resistência à colonização europeia.

O movimento Rastafári – que disseminou o uso dos dreads – teve início na década de 1930. Os adeptos do Rastafarianismo acreditavam que Haile Selassie I, primeiro governador negro de um país africano – era a reencarnação de Jah. Eles acreditam que Selassi vai voltar para conduzir o povo eleito a um mundo perfeito, na África, mais precisamente na Etiópia.

Dreads: significado espiritual

O uso dos dreadlocks pelo rastafáris tem várias explicações: o cabelo, para eles, é uma expressão do poder espiritual dos homens e de aproximação com Deus, e também uma forma de seguir os preceitos bíblicos, que fazem referência a a importância dos cabelos em várias passagens.

Os dreads seriam, nesse sentido, uma expressão de pureza, de não violência, de luta contra o sistema – tendo em vista que os rastafáris são anticapitalismo – e expressam uma maneira espiritual de vida.

dread 3

Uma das figuras mais emblemáticas do Movimento Rastafári, o músico Bob Marley, disseminou os conceitos dos rastafáris, e usou os dreads por toda a vida.

Atualmente, estima-se que exista cerca de 1 milhão de pessoas adeptas da filosofia rasta.

Mas - vale lembrar - usar dreads não significa, necessariamente, ser adepto do movimento. Como dito no início do texto, um estilo pessoal pode traduzir muitas coisas, pode ser uma forma de expressão ou só questão de gosto.

Especialmente indicado para você:

setaCOMO FAZER O CABELO CRESCER RÁPIDO: DICAS E REMÉDIOS NATURAIS

setaCABELOS BRANCOS: TUDO O QUE VOCÊ QUERIA SABER

setaQUEDA DE CABELO: O QUE COMER PARA TER CABELOS SAUDÁVEIS