Arte e Cultura

Quantos negros você já viu dançando balé?

Ingrid Silva ballet
  • por Gisella Meneguelli

O racismo está presente em todas as esferas da vida. Embora os casos de racismo estejam ganhando mais visibilidade, porque estão sendo denunciados, eles ocorrem, principalmente, de forma silenciosa. E é assim que ele vai ganhando força. Você já parou para pensar que, em várias esferas sociais, não existe representatividade negra? Isso é, ainda, mais alarmante porque 53% dos brasileiros se declararam pardos ou negros em 2014, diante de 45,5% que se disseram brancos, segundo uma Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), realizada pelo IBGE em 2014. 

Concurso busca jovens fotógrafos da natureza

fotografo-natureza
  • por Gisella Meneguelli

Quem não se fascina por fotos de paisagens naturais, animais selvagens e lugares desconhecidos? A natureza é belíssima e, com toda a sua diversidade, a única forma de conhecermos mais sobre ela é pelas fotografias.

Carnaval 2017: samba-enredo polêmico desagrada a turma do agronegócio

carnaval
  • por Gisella Meneguelli

As escolas de samba, geralmente, escolhem o seu samba-enredo para contar uma história através da música, da performance e da visualidade. Extremamente popular no carnaval brasileiro, as escolas de samba costumam homenagear artistas nacionais, a tratar de temas de interesse popular e a fazer críticas sociais em seus desfiles.

O impressionante chocalho feito de 15.000 tampas plásticas

instrumento feito de 15.000 tampas plásticas
  • por Felipe Chaves

Em uma iniciativa ousada e criativa, a música, a reciclagem e a consciência foram unidas na obra “chocalho colossal”, um instrumento gigante criado por Marcelo Gularte, músico e cineasta de 40 anos.

Musicoterapia: eficaz no tratamento de câncer e na cura de muitas doenças

Musicoterapia
  • por Alice Branco

Músicas que reduzem tumores, que fazem células cancerosas desaparecerem, você imagina uma coisa assim? Pois, essa é uma nova vertente do uso da musicoterapia, antes usada para tratar problemas psicológicos e que agora se mostra efetiva em tratamentos de câncer.

O primeiro voo a gente nunca esquece: um curta que vai te motivar

O primeiro voo
  • por Redação

O primeiro passo que damos sozinhos a gente nunca esquece. Ele é libertador, nos transforma, porque simboliza que somos capazes. Um lindo curta-metragem fala exatamente sobre isso. A animação nos ensina a voar através de uma história prosaica que começa acompanhando o dia de um homem de meia-idade que perdeu o ônibus para o trabalho.

Bonecas de cara lavada: um novo conceito de beleza (FOTOS)

Bonecas sem maquiagens
  • por Redação

Revolucionar o conceito de beleza valorizando a aparência natural, longe dos estereótipos de corpos perfeitos, moldados e construídos com base no que “dizem” ser bonito. Esta é a mensagem que pretende espalhar, de uma maneira totalmente alternativa, a artista Mim Hammonds: usando bonecas.

Quem são os bebês arco-íris? Por que eles trazem luz depois da tempestade?

bebês arco-íris
  • por Redação

Bebês arco-íris são crianças que nascem de uma mãe que sofreu anteriormente um aborto espontâneo ou que teve um filho morto prematuramente, trazendo à luz após a tempestade na vida de uma família que teve de enfrentar alguns momentos realmente muito difíceis.

Simone de Beauvoir, a escritora do feminismo

Simone de Beauvoir
  • por Gisella Meneguelli

Um dos nomes mais representativos do século XX para o feminismo é, sem dúvida, a filósofa Simone de Beauvoir. Não porque outras mulheres não tenham analisado a condição feminina e lutado pelos direitos da mulher, como: Hanna Arendt; Virginia Woolf; Patrícia Rehder Galvão, a Pagu; Voltairine de Cleyre; Judith Butler; entre tantas outras que fizeram parte de movimentos sociais, como as sufragistas, e aquelas que, mesmo individualmente, resistem e lutam pelo fim da opressão e pela igualdade de direitos entre mulheres e homens.