Plantas Adaptogênicas → O que São e Para que Servem?

  • atualizado: 

Adaptógeno é um conceito não propriamente novo, pois fora criado em 1947 como descrição de substâncias capazes  aumentar a nossa resistência ao estresse. Vejamos como este conceito pode nos ajudar a encontrar quais substâncias são estas, onde encontrá-las e como usá-las.

Para que servem as plantas adaptogênicas?

Infelizmente na vida moderna não há como fugir do estresse. Todo mundo já se sentiu, se sente e vai se sentir estressado. Tudo pode ser um fator de estresse para organismo, desde problemas simples até os mais complexos em todas as áreas da vida.

Além disso, a resposta ao estresse também é pessoal, cada organismo consegue aguentar um nível diferente de estresse. Os problemas profissionais, financeiros, amorosos, uma mudança muito drástica na vida ou um esforço intelectual ou físico muito grande podem aumentar os níveis de estresse de um organismo.

E os resultados do estresse no corpo são muitos e também bastante variados, tais como: alergias, ansiedade, depressão, ataques de pânico, problemas digestivos, crises de choro, estados de fadiga, enxaquecas, problemas cardíacos, hipertensão, insônia, entre outros.

Para ajudar a controlar esses níveis de estresse e se adaptar melhor tanto aos problemas, quanto às mudanças e aos esforços existem remédios naturais.

O que são plantas adaptogênicas?

Os adaptógenos ou, as substâncias adaptogênicas, são compostos, ervas, plantas ou mesmo práticas que, farmacologicamente, resultam na diminuição da sensibilidade celular ao estresse. São substâncias naturais encontradas somente em algumas plantas e ervas raras, que possuem nutrientes especiais e que nos ajudam a conseguir um melhor desempenho mental e físico de nosso organismo.

Ou seja, as plantas adaptogênicas são plantas que possuem a propriedade de ajudar o indivíduo a enfrentar situações de estresse para garantir melhor resultados ao seu bem-estar e à sua qualidade de vida. Elas vão dar um apoio para que o organismo tenha condições de se adaptar ao meio adverso, seja qual for sua origem.

Separamos uma lista com 6 dessas plantas.

6 exemplos de plantas adaptogênicas

Ginseng Siberiano

É uma planta que ajuda a pessoa a enfrentar períodos de estresse, tais como excesso de trabalho. Conforme ensina o médico Pedro Lôbo do Vale do site Celeiro, o ginseng siberiano (Eleutherococcus senticosus) é uma espécie de ginseng oferece a energia necessária para diminuir os sintomas da exaustão, mas sem ser estimulante. Dessa forma, é usada para quando é preciso de um bom desempenho mental.

Rodiola (Rhodiola rosea)

Uma planta nativa da ásia que tem a fama de dar longevidade e tem a ação de também ajudar com o controle de estresse. Ela protege os neurotransmissores serotonina e dopamina. A planta garante que a serotonina e a dopamina não sejam destruídas quando há aumento do nível de estresse. Ela é excelente para ajudar a combater fadiga crônica e estados de depressão e ansiedade.

Aswaghanda

Está uma planta originária da Índia e também ajuda nas situações tanto de estresse físico como mental. Ela é considerada um tônico para os nervos.

Centella Asiática

Esta planta asiática ajuda a aumentar a circulação sanguínea e também ativa a memória. Para quem precisa de ajuda para se adaptar às situações de estresse do dia a dia, ela é uma ótima escolha.

Ginkgo Biloba

Esta erva ajuda a curar e regenerar as células do cérebro, além disso ela estimula as funções mentais, o que é uma excelente ajuda para quem está com a cabeça quente de tanto pensar nos problemas e não encontrar soluções.

Manjericão-sagrado

Esta última erva, ajuda a melhorar o bem-estar e a qualidade de vida, deixando as pessoas mais felizes e bem-humoradas. Esta erva ajuda a impulsionar a circulação sanguínea como um todo, oxigenando ainda mais o cérebro.

Como usar as plantas adaptogênicas?

Você encontra as plantas adaptogênicas em diversas formas para vender, entre elas:

Em forma de pó, nesta forma você pode colocar em sucos, vitaminas, sopas e caldos. E também utilizar em diversas receitas culinárias.

Em forma de cápsula, esta é a melhor forma para quem quer consumir diariamente e em uma quantidade balanceada.

Em forma de líquido, também é outra forma para quem quer consumir diariamente. É possível tomar puro ou diluir na água.

Procure um médico

No entanto, para fazer um bom uso deste recurso natural contra o estresse, que são as plantas adaptogênicas, é preciso consultar um médico ou profissional de confiança, que possa te receitar as doses e as formas de uso de acordo com o teu caso em particular.

Foto: Panax quinquefolius (ginseng) aclamada por seus efeitos adaptogênicos. Wikipedia