Receita antiga para limpar as artérias e ativar o sistema imunológico

  • atualizado: 
gengibre-alho-limao

Às vezes a gente se depara com umas receitas antigas que não dá para perder, nem deixar de divulgar. Esta é uma delas - com limão siciliano, alho e gengibre - que promete ajudar na limpeza das artérias e na melhora da nossa imunidade. Gostei da receita, é fácil de fazer e, pelos ingredientes, terá bom resultado.

O que vai nessa receita antiga?

1. Limão siciliano (4 inteiros) - o limão verdadeiro, o Citrus limon, que é rico em vitaminas, pectina, limonina e outros compostos terpênicos. Atua na desintoxicação do organismo, afina o sangue, age na redução da acumulação de gorduras e no equilíbrio do pH interno (é um alcalinizante, por excelência). Acredito que, com o mesmo efeito, você poderá usar, nesta receita, outros limões - tahiti, rosa, galego - mas, o siciliano tem um aroma muito especial e mais pectina que todos.

Leia também: FOLHA DE LIMÃO - O BEM QUE FAZ! A RECEITA DO CHÁ

2. Alho (4 cabeças - é bastante alho) - o alho cru (Allium sativum) tem poderosa ação antimicrobiana e antifúngica, afina o sangue, reduz as gorduras que estão pela corrente sanguínea e ativa o nosso sistema imunológico reforçando as defesas naturais. É excelente para quem tem pressão alta e problemas circulatórios.

Leia também: CHÁ DE ALHO, PODEROSO ANTIBIÓTICO! RECEITAS E CONTRA-INDICAÇÕES

3. Gengibre (pedaço de 3 a 4 cm) - a raiz da vida, o gengibre (Zingiber officinale) é rico em antioxidantes, tem ação anti-inflamatória, é um modulador do sistema imunológico e um antimicrobiano potente. Para além do mais, o gengibre ativa o nosso metabolismo, favorecendo a queima das gorduras acumuladas e, claro, ajudando no emagrecimento.

Leia mais:

GENGIBRE: PROPRIEDADES MEDICINAIS COMPROVADAS

CONSERVA DE GENGIBRE: A RECEITA. ÓTIMA PARA ARTRITES E INFLAMAÇÕES

Como fazer

* Use limões orgânicos pois a receita precisa das cascas também.

* Lave bem os limões e corte-o em pedaços pequenos.

* Descasque os dentes de alho das 4 cabeças.

* Rale o gengibre.

* Junte todos esses ingredientes no liquidificador e bata bem.

* Junte água, 2 litros, e leve ao fogo - use panela de aço inox ou vidro, de preferência. Quando começar a ferver (primeiras bolhinhas) retire a panela do fogo e deixe esfriar, tampada.

Como usar

Você deverá tomar, durante 3 semanas, 1 copo diariamente, duas horas antes da refeição principal ou, se puder, em jejum, logo cedo. Depois deste período, deixe seu corpo descansar por 1 semana e recomece o tratamento. O remédio deverá ser guardado na geladeira, de preferência em garrafa de vidro escuro, bem tampada.

Pode adoçar com mel se você não conseguir engolir puro - o gosto é meio forte, claro, mas não deixa mau hálito. Antes de tomar, sacuda bem a garrafa para que o conteúdo se misture.

Algumas pessoas mais sensíveis poderão ter incômodos estomacais por conta do alho e do gengibre - se for seu caso, dilua a dose e aumente a frequência.

Leia mais sobre remédios caseiros:

QUAIS SÃO OS EFEITOS DA INGESTÃO DIÁRIA DE GENGIBRE? (INFOGRÁFICO)

GENGIBRE E LIMÃO: O QUE ACONTECE AO CORPO SE CONSUMIRMOS OS DOIS JUNTOS TODOS OS DIAS?