Incêndio de grandes proporções na terra indígena Mãe Maria – PA

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Um incêndio de grandes proporções atingiu a terra indígena Mãe Maria, no Pará, na manhã de ontem, 30 de julho.

No local vivem cerca de 1000 indígenas da etnia Gavião e o fogo se alastrou rapidamente colocando em risco a população, principalmente pelos efeitos da fumaça.

Os focos de incêndio têm a ver com um problema muito conhecido: o desmatamento na região. Para uma reportagem do G1, o cacique Kuia Parkategê disse que esse problema é antigo e traz diversos prejuízos e pede às autoridades que tomem providencias junto à EletroNorte:

“Eu quero que vocês analisem o que está acontecendo e o que vem acontecendo há muito tempo, o fogo se alastrando dentro da mata, matando os animais. A gente não suporta porque a fumaça tá atingindo a população e prejudicando nossa respiração”.

O fogo fez uma grande cortina de fumaça que chegou à rodovia Br-222, prejudicando a visibilidade dos motoristas.

Felizmente, os Bombeiros de Marabá conseguiram combater as chamas, mas o estrago foi grande, porque o fogo atingiu mata fechada.

O Pará é um dos estados que mais sofre com queimadas e mais teve área desmatada por causa do fogo, liderando o ranking de desmatamento, com 40% do total de árvores derrubadas em seu território.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), no mês de junho a Amazônia registrou 2.248 focos se incêndio, com crescimento de 19,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

Nessa época, para piorar, o clima está seco, o que favorece que as chamas se alastrem com maior facilidade.

Talvez te interesse ler também:

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Juliane Isler, advogada, especialista em Gestão Ambiental, palestrante e atuante na Defesa dos Direitos da Mulher
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook