PE: estudantes utilizam óleo para fabricar sabão 

estudantes utilizam óleo para fabricar sabão

Na semana passada em todo território nacional aconteceu a Semana Nacional de Tecnologia. A semana tem como objetivo mobilizar a população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de Ciência e Tecnologia. O grande destaque desta edição, foram as atividades realizadas no Sertão de Pernambuco, que juntou ciência e sustentabilidade. Quer saber mais? Então acompanhe a seguir.

A importância da Semana Nacional de Tecnologia para o sertão pernambucano

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano ganhou destaque nacional, no estande do MEC que teve como tema: “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social”, onde expôs 36 projetos de 20 Institutos Federais de todo o país.

O projeto do sertão pernambucano

O projeto desenvolvido por alunos do IF – sertão consistia em algo muito interessante: a produção de sabão de corte com o aproveitamento do óleo usado na cozinha. A iniciativa permite que comunidades carentes tenham mais uma fonte de renda e tem adesão de boa parte da população local, da cidade de Salgueiro (PE).

Para se ter uma pequena noção do impacto positivo da iniciativa, a fábrica de pastel local doa a maior parte do óleo e o sabão produzido é enviado gratuitamente às casas de idosos, creches e abrigos.

Em média, o IF-Sertão produz 120 barras de sabão por semana. Além disso, a instituição ensina moradores de comunidades carentes a produzir o sabão em barra.

A experiência testada em Salgueiro evita a poluição e traz ganho ambiental considerável onde é aplicada; sobretudo, pelo fato de o óleo de cozinha ser extremamente poluente, e contamina facilmente grandes quantidades de água, se descartado incorretamente.

Então, se 1 litro de óleo contamina 1 milhão de litros de água, transformando-o em sabão, torna-se um sal, que, ao ser dissolvido em água, é completamente absorvido pela natureza novamente, ou seja, de forma biodegradável.

Esta é mais uma iniciativa de um Brasil que a gente quer ver crescer!

Leia também:

RECICLE ÓLEO DE COZINHA FAZENDO SABÃO CASEIRO

TURISMO PARA PORTADORES DE DEFICIÊNCIA: O BRASIL QUE A GENTE QUER

Fonte foto: freeimages.com