Empresas multinacionais se comprometeram com reúso e reciclagem de 70% de suas embalagens plásticas

  • atualizado: 
economia circular

New Plastics Economy. Essa notícia é boa, com certeza. No Fórum Econômico Mundial, em Davos, Suíça, algumas das maiores empresas - Unilever, Proctor and Gamble, Coca-Cola, Danone e outras - se comprometeram nareutilização e reciclagem de até 70% das suas embalagens plásticas.

A iniciativa, coordenada pela Ellen Macarthur Foundation, foi chamada de New Plastics Economy, um processo que tem o objetivo de criar as bases para uma economia circular, um novo conceito que visa um futuro mais sustentável pela menor extração de recursos naturais e a menor geração de resíduos (lixo).

Economia Circular

Segundo o site da Ellen Macarthur Foundation: “A economia circular, pelo seu design, é restauradora e regenerativa e visa manter os produtos, componentes e materiais em sua maior utilidade e valor em todos os momentos. O conceito distingue entre ciclos técnicos e biológicos”.

Em miúdos

O processo da economia circular é do interesse das empresas?

Sim, pois com este modelo elas vão economizar em matéria prima. Claro que o marketing usado fala da economia de recursos ambientais (isso é economia real para as empresas e preservação ambiental para nós) pois, já chegamos a um ponto, no planeta, em que os tais recursos primários estão cada vez mais caros.

O que dizem as empresas que assinaram esse acordo?

“Precisamos transformar urgentemente as embalagens que usamos, se quisermos continuar a colher os benefícios deste material versátil, que é o plástico. Esta é uma oportunidade incrível para inovarmos e assim, podermos reutilizar e reciclar. Agora cabe a todos nós fazer isso”, afirmou Paul Polman, CEO da Unilever.

“Embalagens têm um impacto gigantesco em nosso planeta. Como uma empresa global de bens de consumo, precisamos encontrar maneiras de reduzir drasticamente os danos ambientais, bem como econômicos, de nossas embalagens de plástico”, disse Barry Parkin, diretor de sustentabilidade da Mars.

E você, consumidor, o que vai fazer?

O consumo depende de quem compra então, o consumidor tem uma palavra essencial nesse processo todo. Não basta apoiar verbalmente, assinar petições, sair em manifestações - para preservar os recursos naturais, o meio ambiente, é preciso fazer mais, muito mais. É preciso mudar toda uma filosofia de vida, então?

* Se a embalagem não é reciclável, não compre!

* Pare de usar sacolas plásticas! Leve sua sacola de pano às compras!

* Só compre aquilo que realmente lhe fará falta!

* Não acumule bens materiais, reuse, recicle, doe a quem precisa!

* Conserte o que se quebrou - máquinas, eletrodomésticos, sapatos, roupas, etc!

Os pontos acima são algumas das atitudes que você deverá adotar, no seu dia-a-dia. Pense nisso! E, dê uma olhada neste material sobre como e porquê se transformar em um empreendedor da economia circular.

Abaixo dois vídeos sobre economia circular (em inglês);

Leia sobre plástico:

SEU SAL MARINHO TEM PLÁSTICO, SABIA?

SAIBA MAIS SOBRE UM NOVO PLÁSTICO RECICLÁVEL

FUNGO DA AMAZÔNIA DIGERE PLÁSTICO