Eles existem: painéis solares que produzem energia com chuva

energia-solar

A energia solar seja, talvez, a melhor fonte alternativa para substituir os combustíveis fósseis que tanto fazem mal ao planeta.


Há países que estão criando enormes painéis solares, com novos desenhos que tornam a captação mais eficiente e ao alcance de qualquer pessoa.

Mas, como regiões chuvosas, como Londres e o sudeste asiático, por exemplo, podem se beneficiar dessa tecnologia?

A boa notícia, dada pelo site La Bioguia, é que cientistas e designers chineses desenvolveram os solar-pluviale, painéis de energia solar que também podem produzir energia a partir da chuva.

Esses novos painéis têm instalações idênticas aos fotovoltaicos atuais, capazes de transformar luz solar em um fluxo constante de eletricidade, mas que em sua cobertura contam com uma capa de grafeno, uma substância formada por carbono que absorve energia das gotas de chuva.

O grafeno, que compõe as células desses painéis, é um material fino, flexível e mais resistente que o aço, econômico para produzir e com uma grande condutividade. Mas, sobretudo, tem a maravilhosa propriedade de nutrir-se de energia mediante precipitações.

Isso explica porque as gotas de chuva não são formadas exclusivamente de água, mas também são compostas de sais, que se dissociam em íons positivos e negativos. O sódio, o cálcio e a amônia estão carregados positivamente e integram essas gotas que vêm da chuva. Esses íons reagem em contato com o grafeno, transformando-se em um “supercapacitor”, segundo os especialistas.

A diferença de energia entre a capa de grafeno e a água é capaz de gerar uma corrente elétrica forte decorrente do intercâmbio de elétrons.

Que essa descoberta torne mais abundantes e baratas as tecnologias que promovem energia limpa e renovável! 

Leia também:

setaA ENERGIA SOLAR É O FUTURO

setaENERGIA FOTOVOLTAICA: NO HAVAÍ SE PRODUZ MAIS ENERGIA SOLAR DO QUE AS REDES ELÉTRICAS CONSEGUEM GERAR