Crise energética? A solução vem do encanamento d'água

encanamento d'água

Enquanto autoridades brasileiras parecem não se preocupar com a crise energética, que já expõe todos os seus efeitos de forma terrivelmente palpável por todo o país, há iniciativas em várias partes do mundo, que oferecem alternativas fantásticas para minimizar a questão fundamental que é a de como produzir energia.

Uma das mais interessantes vem de Portland, nos Estados Unidos. O processo chama-se Lucid Energy.

A invenção consiste em utilizar um potencial energético virtualmente inexplorado, a partir do fluxo das águas que correm nos encanamentos, servindo à produção de energia limpa e de baixíssimo custo.

Lucid Energy surgiu a partir de uma demanda feita por indústrias, poder público e agricultura, por energia de alto rendimento e boa relação custo-benefício. Assim, pode-se utilizar a força hídrica em encanamentos, de modo a gerar milhões de megawatts/hora de energia renovável de uma porção de água que já está circulando através dos sistemas hidráulicos – LucidPipe – sem ter de interromper o fluxo do fluido.

Uma das grandes vantagens do sistema LucidPipe é que é plenamente funcional sob quaisquer condições de fluxo, volume e velocidade da água. A turbina de design exclusivo gera energia por meio da extração do excesso de pressão proveniente dos sistemas de cano.

detalhe no encanamento

múltiplos sistemas encanamento

Para maximizar a obtenção de energia, múltiplos sistemas LucidPipe podem ser instalados em um mesmo encanamento principal. Tudo isso serve, inclusive, para zerar qualquer perspectiva de impacto ambiental, já que, como a água está nos canos, não há qualquer vida animal ou vegetal sob riscos.

Em Portland a eletricidade obtida a partir do LucidEnergy faz com que as turbinas de estações de tratamento de água da cidade funcionem plenamente, gerando economia ao consumidor, ao mesmo tempo em que aperfeiçoa o saneamento básico local.

Tal sistema ainda não é capaz de gerar energia para abastecer grandes centros urbanos, mas, por outro lado, pode garantir eletricidade para prédios residenciais ou de instituições, diminuindo a demanda sobre as matrizes energéticas principais.

A startup LucidEnergy é uma das 12 finalistas que concorrem ao prêmio Imagine H2O, que contempla iniciativas de eficiência de geração de energia hídrica, e cujo resultado será divulgado em março deste ano. É apenas um exemplo que apresenta uma possível saída para a nossa aguda crise de gestão dos recursos hídricos no país, que vem a desembocar na crise energética.

Ideias inovadoras não faltam.

Leia também: Crise energética: hidrelétricas interrompem produção

Fonte fotos: lucidenergy.com