Domador italiano é atacado por 4 tigres e morre

  • atualizado: 
Domador italiano

O acidente aconteceu durante um ensaio do circo Marina Monti, que vinha se apresentando na região de Bari, Sul da Itália. Ettore Weber, aos 61 anos de idade, foi atacado por quatro tigres, que rasgaram seu corpo em várias partes. Ele domava felinos de grande porte e era conhecido em seu meio como um dos melhores do mundo.

Segundo reconstituição feita pela polícia italiana, ele estava em um treino de rotina, em uma jaula com quatro tigres, quando um deles o atacou, no que foi seguido pelos outros três. Depois do primeiro ataque, os animais teriam continuado a "brincar" com o corpo do domador por cerca de 30 minutos.

Somente com a chegada de uma equipe de socorro Weber pôde ser retirado da cela, mas ele não resistiu aos ferimentos e à uma lesão na coluna vertebral. 

O domador era dono do Circo Weber e casado com a artista Loredana Vulcanelli.

Não é a primeira vez que documentamos episódios como este, reafirmando o nosso repúdio aos circos que exploram animais. Estes seres não nasceram para virar artistas, não lhes interessam os aplausos do público. Esses animais ficam trancados em gaiolas, se tornam nervosos e infelizmente no final, a exasperação os leva a causar acidentes trágicos como este. Compreensível, repugnável mas de simples solução: a proibição total dos circos com animais.  

Talvez te interesse ler também:

ESPETÁCULO ESTE CIRCO: SEM ANIMAIS DE VERDADE E COM MUITA BELEZA VISUAL

TIGRESA DE CIRCO TEM CONVULSÕES DEPOIS DE ATRAVESSAR ANÉIS DE FOGO

A DURA VIDA DOS ELEFANTES: DO CIRCO AOS EXPERIMENTOS CIENTÍFICOS

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!