Até o final de 2017, o comércio de marfim será proibido na China

  • atualizado: 
elefantes

A China decidiu proibir o comércio de marfim em até o final de 2017. A declaração veio após um importante acordo realizado com os Estados Unidos em 2015.

É uma decisão histórica porque é da China o maior mercado mundial para o comércio, legal e ilegal, de marfim. A proibição das exportações e importações de marfim poderiam salvar dezenas de milhares de elefantes por ano, ainda que haja quem pense o contrário:

Leia mais: PROIBIÇÃO DA VENDA DE MARFIM PODE NÃO SALVAR OS ELEFANTES

As operações para cessar o comércio de marfim na China irão começar em 31 de março deste ano. A decisão é bem-vinda por parte dos cidadãos da nação. A opinião pública chinesa vem se expressando contra o comércio de marfim, pelo menos desde 2012. Agora cerca de 71% da população se opõe ao comércio de marfim segundo a Save the Elephants. Desde 2012 aos dias atuais, sejam os preços que as vendas de marfim na China despencaram.

Em até 31 de dezembro de 2017, o comércio de marfim na China será completamente proibido. O anúncio oficial do governo chinês foi dado em 30 de dezembro de 2016.

De acordo com o Natural Resources Defense Council, a China vai ajudar quem trabalha na indústria de marfim a encontrar um novo trabalho, por exemplo, na restauração de artefatos feitos de marfim que estão em museus.

A decisão da China põe fim ao maior mercado de marfim do mundo e, de acordo com alguns especialistas, irá realmente ajudar a salvar os elefantes. No passado, o comércio legal de marfim na China nada mais fez do que ajudar a cobrir o tráfico ilegal deste produto. Com a proibição geral, o tráfico de marfim ilegal terá uma atuação mais difícil. Assim esperamos!

Os Estados Unidos proibiu quase todo o comércio internacional de marfim em julho de 2016 e o Japão irá intervir desta forma em 2021.

Se o mundo inteiro se unir contra o comércio de marfim, os elefantes poderão ficar seguros. Mas é preciso que as leis atuem em consonância com a nossa cultura, portanto nunca é demais repetir: jamais compre qualquer objeto de marfim, legal ou ilegal que seja.

Especialmente indicado para você:

ONU PEDE UM BASTA À COMERCIALIZAÇÃO DE MARFIM

USO DE MARFIM NA CHINA PODE EXTINGUIR EXISTÊNCIA DE ELEFANTES NA ÁFRICA