Vídeo mostra urso gigante abraçando o homem que salvou sua vida

Abraçar um urso e lhe dar tanto carinho, afago e até massagem nas costas. O vídeo que mostra um homem abraçando um urso gigante está fazendo o giro da web e, em poucos dias viralizou. Vamos descobrir quem são os protagonistas dessa história incrível.

O vídeo foi postado no Facebook pelo Orphaned Wildlife Center, um centro de reabilitação para animais feridos ou em perigo, animais que não conseguiriam sobreviver na natureza. O urso protagonista do vídeo foi cuidado por humanos desde quando era pequeno, porque estava ferido e em risco de vida.

Com o tempo, o urso foi recebendo todo o tratamento necessário que permitisse o seu crescimento. O centro é um espaço destinado exclusivamente para a reabilitação de animais feridos, ou seja, não é um jardim zoológico. O centro não é aberto ao público e é frequentado apenas por operadores que cuidam de animais.

O vídeo mostra o abraço brincalhão entre um homem de 59 anos, o Sr. Jim Kowalczik, e um urso-de-kodiak de 22 anos e que pesa 700 quilos!!! O urso se chama Jimbo. Jim que cuida de ursos há mais de vinte anos, sabe bem como tratá-los e como abordá-los. Jim e Jimbo se conhecem praticamente desde sempre.

É a familiaridade entre o homem e o urso que, neste caso extraordinário, permite o abraço. O Orphaned Wildlife Center está localizado em Otisville, no Estado de Nova York.

O centro também possui cavalos, cervos e esquilos, animais feridos que precisam de um período de reabilitação antes de voltarem para a natureza. O centro abriga 11 ursos, todos mansos como Jimbo, porque foram criados por seres humanos desde a tenra idade.

Um abraço como aquele entre o urso e o Sr. Jimbo Kowalczik não seria possível fora de um ambiente protegido. A história mostra como os ursos são inteligentes e capazes de se ligarem aos seres humanos, reconhecendo o cuidado a eles dispensados.

Leia também:

O URSO-POLAR DESNUTRIDO: AS TERRÍVEIS CONSEQUÊNCIA DO DERRETIMENTO DO GELO

UM HOMEM QUE ESPANTOU UM URSO AOS GRITOS

SEXO ORAL ENTRE MACHOS: OS URSOS-PARDOS TAMBÉM FAZEM

Fonte e fotos: Orphaned Wildlife Center