Tatuagens e piercings em animais: finalmente em Nova Iorque são proibidos

Tatuagens e piercings em animais proibidos em Nova Iorque

Em muito breve será um crime fazer furos para colocar piercing ou tatuar os animais de estimação em todo o estado de Nova Yorque. A lei foi finalmente assinada pelo governador Andrew Cuomo, e entrará em vigor daqui a 120 dias.

"É simplesmente cruel", disse Linda Rosenthal, um membro da Assembleia Legislativa. Enquanto as pessoas podem escolher as suas ”predileções estéticas" para o seu próprio corpo, cães, gatos e outros animais de estimação, não têm essa possibilidade e são forçados pelo homem a suportar estas práticas doloridas. Como aconteceu com o cachorro de um tatuador no Brooklyn que teve tatuado em sua pele um coração com as palavras "Alex e Mel", enquanto o animal estava anestesiado para um intervento cirúrgico.

Há no entanto uma exceção que se faz para os casos de necessidade de marcações por razões médicas ou de identificação, mas sempre se feitas sob a supervisão de um veterinário. A lei tampouco se aplica às marcas auriculares de coelhos e porquinhos da índia.

As penalidades para as violações deste tipo variam de acordo com o caso, mas podem incluir até 15 dias de prisão e ou multas de US$ 250.

Uma legislação semelhante foi introduzida neste verão em Nova Jersey, mas ainda existem muitos estados norte-americanos onde ainda falta muito a se fazer nesse sentido.

Teresa Chagrin da PETA reiterou que as tatuagens e os piercings induzem dor desnecessária aos animais, violando as leis federais realmente já existentes e que são contra a crueldade animal em todos os 50 estados norte-americanos.

Parece loucura mas tem gente que acha bonito tatuar seu bichinho. O que você acha disso?

Leia também:

Por que os gatos entram no círculo? Tente fazer em casa

Como proteger os animais do calor?

Fonte foto: nypost.com