A floresta na Costa Rica que renasceu graças às cascas das laranjas

  • atualizado: 
floresta na Costa Rica

A floresta hoje renasce graças aos restos de laranjas, que transformam os solos áridos e secos em uma área verde próspera, dentro da zona de proteção de Guacanaste, na Costa Rica, submetida a duras provas ao longo dos anos devido à exploração excessiva.

A Área de Conservação de Guanacaste (ACG) é, hoje, um local protegido pela UNESCO, onde há uma floresta. Mas, antes disso acontecer, algumas áreas sofreram por causa do desmatamento operado com o objetivo abrir espaço para o gado de pastoreio.

Um programa de recuperação está em andamento desde 1996, mas, na verdade, até que dois ecologistas americanos vislumbrassem uma solução para o problema, os resultados não eram os esperados. No início dos anos noventa, uma plantação de laranja foi criada na fronteira com a área protegida.

floresta costa rica 2

Foto: Daniel Janzen and Winnie Hallwachs

A empresa Del Oro produzia sucos comerciais e, portanto, usava apenas o suco de frutas cítricas, descartando todo o resto. Mas, Daniel Janzen e Winnie Hallwachs, dois ecologistas da Universidade da Pensilvânia, pensaram em uma maneira de mudar as coisas.

Olhando para as áreas desmatadas de Guacanaste e para as plantações de laranja nas proximidades do local, os dois tiveram uma intuição: Há anos busca-se melhorar os solos áridos da área protegida, mas por que não procurar uma colaboração com os vizinhos?

Os resíduos de laranja tornaram-se, assim, o fertilizante de um projeto de reflorestamento. O experimento começou em 1997, com 12 mil toneladas de resíduos de laranja jogados em três hectares mortos.

floresta costa rica 3

Foto: Università de Princeton

Os primeiros resultados foram vistos depois de alguns meses e, assim, durante um ano, a Del Oro continuou a depositar as cascas de laranja na floresta. Mas o projeto foi suspenso quando o Ticofruit, um adversário comercial da Del Oro, levou a empresa aos tribunais.

O crime foi o de poluição de um parque nacional e os juízes concordaram que nenhuma carga de laranjas deveria mais ser depositada em Guacanaste. Por quase quinze anos, tudo voltou ao normal e a região caiu no esquecimento.

floresta costa rica 4

Foto: Università de Princeton

Mas, obviamente, a história não podia acabar assim. Em 2014, Timothy Treuer, um estudante da Universidade de Princeton, contatou Daniel Janzen e Winnie Hallwachs e decidiu que aquele canto da floresta com cascas de laranja seria o tema da sua tese.

Talvez te interesse ler também:

A CRISE CLIMÁTICA EM UMA IMAGEM: DEGELO ATÍPICO NA GROELÂNDIA IMPRESSIONA O MUNDO

O HOMEM QUE DOOU UM BILHÃO DE DÓLARES PARA CRIAR PARQUES, RESERVAS E ÁREAS MARINHAS PROTEGIDAS

LEONARDO DICAPRIO DOOU 100 MILHÕES DE DÓLARES PARA ACABAR COM A CAÇA: ELE QUER PROTEGER O PLANETA

Fonte fotos

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!