Como seria o mundo se todo o gelo polar derretesse?

Como seria o mundo se todo o gelo polar derretesse?

De acordo com cientistas, levaria mais de 5000 anos para que todo esse gelo derretesse. Continuando-se a adicionar gases causadores de efeito estufa à atmosfera, o planeta poderia chegar a ter temperaturas médias de quase 27 graus Celsius – ao invés dos atuais 14.

Alguns especialistas calculam que, no ritmo atual, cerca de 20 metros de aumento no nível do mar já estão “garantidos”. No nível em que os oceanos estão hoje, algumas consequências já têm sido sentidas: o povo de vilarejos no Alasca já está preocupado com a ameaça de destruição das vilas pela erosão costeira ou mesmo pela pura e simples inundação dos vilarejos insulares. É uma situação equivalente à de alguns países nos Oceanos Índico e Pacífico, como Kiribati, as Maldivas, e Tuvalu. A situação inusitada gerou algumas perguntas ainda sem resposta: um país submerso continua sendo um país, por exemplo com direito a voz e voto na Organização das Nações Unidas? E seu povo, para onde irá? Terão direito a exigir indenização de grandes poluidores que contribuíram para o aquecimento global?

Atualmente, as temperaturas no Ártico são as maiores em 44000 anos. As calotas polares estão mais finas que nunca, e cientistas na Holanda anunciaram que o nível do mar está aumentando 60% mais rapidamente do que projetado pelo IPCC, o painel intergovernamental sobre mudanças climáticas da ONU – 3,2mm anuais, ao invés dos 2mm estimados pelo conglomerado de cientistas. Dois metros de elevação no nível do mar já seriam suficientes para causar sérios transtornos em cidades como Miami, e também muitas das cidades costeiras do Brasil e outras regiões do mundo, como Holanda, Veneza e Bangladesh.

Se os mais de 20 milhões de quilômetros cúbicos de gelo que há em terra derretessem, o novo desenho do mapa-múndi, seria como mostra a National Geographic, veja aqui o mapa interativo, que responde à pergunta, mostrando a nova cartografia, caso os oceanos subam 65m.

Apesar de já ser tarde para evitar a elevação do nível do mar, que já chega a quase 23cm desde a década de 20, e tende a aumentar exponencialmente, ainda é possível mitigá-la – mas isso dependerá da vontade política ao redor do mundo em adotar uma economia de baixo carbono. É melhor já ir se preparando.

Fonte foto: Dream Wallpaper