Dezembro: alimentos da estação

alimentos do mes de Dezembro

Bem-vindo dezembro o mês do Natal, de renovar as energias para o ano vindouro cheio de esperança e fé. Dezembro também é o mês das festas sem fim - escola, escritório, família e amigos, oba! tudo o que a gente quer - mas o perigo é exagerar no menu! Vamos com calma porque a tradição de neve e comidas cheias de calorias, tenhamos sempre em mente, que está bem longe da gente. No Brasil, com este calor tropical o bom mesmo é abusar das saladas para hidratar o corpo e não perder a disposição com uma digestão pesada.

E quais são os alimentos da estação mais quente do ano?

Alho-poró, aspargos, cebolinha, tomate, pimentões, vagem, salsa, salsão e outros.

Vamos às receitinhas?

Aspargos

Fibras, ácido fólico e vitaminas (A,C e E principalmente) estão nessa verdura de sabor particular e ao mesmo tempo delicado, além de sais minerais como o cromo, um mineral que melhora a capacidade da insulina para o transporte de glicose da corrente sanguínea para as células do nosso corpo, prevenindo inclusive a diabete tipo 2.

Ficam uma delícia no espetinho, sabia? Veja aqui outras receitas de verduras no espetinho para os “churrascos vegetarianos” de fim de ano.

Aspargos-verdes ou frescos também ficam deliciosos apenas cozidos em água fervente e temperados com azeite, sal e limão. Vale a pena fazê-los!

Lave os aspargos e enxugue-os levemente. Corte o final que é mais duro e lenhoso. Com um despelador de batatas, despele o final dos aspargos. A dica para cozinhá-los é deixá-los al dente. Como a parte de baixo é dura e a de cima é mole, uma dica é colocá-los amarrados em um maço com um barbante culinário para cozinharem por uns 7, 8 minutos na água fervendo em um recipiente do tipo chaleira. Assim, a parte de baixo fica em contato direto com a água e a de cima, que é bem mole, cozinha com o vapor. Experimente o cozimento, retire da chaleira. As partes de baixo são usadas cortadas em rodelinhas e a parte de cima cortada em dois. O cozimento depende da espessura do aspargo. Mais grossos são mais duros. Os melhores são os fininhos. Outro modo, para fazer o aspargo é cozinhá-lo em panela normal. Só que a parte de cima corre o risco de se desmanchar. Então, limpe-os como escrito acima, corte as rodelinhas e leve para cozinhar em uma frigideira tampada com um fio de azeite. Quando estiverem quase cozidos coloque as “cabeças” cortadas ao meio, para que se cozinhem e não desmanchem.

Com aspargos podemos fazer tudo: quiches, fritadas, tortas, lasanhas…Mas é um alimento tão delicado e rico que, repetimos, limão, sal e azeite e estamos falando de uma iguaria!

foto: ditutto.it

Alho-poró

Assim como o aspargo, o alho-poró pode ser usado em tudo.

É ideal no verão em primeiro lugar porque o alho-poró é rico em água (90%) e contém boas quantidades de sais minerais, em particular, ferro, magnésio, cálcio e potássio. Ótimo, então para ativar as funções de limpeza do corpo, agindo simultaneamente como hidratante. Também contém vitaminas, especialmente as A, C e K.

Essa receita eu sempre faço e é um sucesso

Patê de alho-poró

foto: philly.com.au

Corte em rodelas um ou dois ramos de alho-poró (300gr) e leve-os para dourar em uma ou duas colheres de manteiga (100 gr) em fogo baixo. Deixe o alho-poró dourado esfriar para depois batê-lo com um mixer juntando 200gr de iogurte grego ou iogurte branco (o grego é mais denso então regule a densidade do patê, colocando o iogurte aos poucos), 100 gr de queijo parmesão ralado e sal a gosto. Leve na geladeira em um recipiente tampado e sirva depois de uma hora no mínimo, com torradas. É perfeito para o verão!

Vagem

Receita de fritada de vagem

Vagem é uma delícia e também é um alimento que pode ser consumido simplesmente cozido na água fervente e temperado com azeite, sal e limão. Mas para fazer uma receita diferente com vagem, faça uma fritada.

Lave e corte as extremidades das vagens e leve-as para cozinhar em água fervente por pouco minutos (nada de vagem mole, al dente, por por favor!)

Coloque as vagens (2 ou 3 para cada pessoa), inteiras, em uma uma frigideira antiaderente com um fio de azeite e deixe-as levemente dourarem. Enquanto isso batas os ovos (um para cada pessoa) com uma pitada de sal em um recipiente, junte salsinha ou hortelã picadas, ou orégano (estas ervas aromáticas tiram o sabor forte do ovo e dão um toque especial à fritada). Jogue o batido sobre as vagens e deixe cozinhado cada lado, virando a fritada com a ajuda de um prato ou tampa de panela.

foto: giallozafferano.it

A vagem é um alimento único: fibras, ácido fólico, ferro, potássio, vitaminas do complexo B, cálcio, magnésio, fósforo. É ainda pouco calórica e muito nutritiva. Vai ser a estrela do verão. Abuse.

Fonte foto capa: freeimagens.com