10 alimentos que aceleram o metabolismo

alimentos que aceleram o metabolismo

Infelizmente, não existem fórmulas mágicas capazes de fazermos perder peso da noite para o dia. No entanto, existem alguns alimentos que são particularmente úteis quando percebemos um pouco de lentidão em nosso metabolismo.

Alguns alimentos, como as especiarias, por exemplo, são tradicionalmente conhecidos pela capacidade de favorecerem a perda de peso, ação que ocorre graças às reações químicas específicas dentro de nosso organismo. Um bom especialista será capaz de oferecer ao paciente uma dieta baseada na extensão do problema de peso que precisa ser resolvido.

Enquanto isso, comer vegetais, frutas e grãos integrais ajudam a variar a dieta e, a princípio, não teria nenhuma contra-indicação. Sendo assim, vale a pena conhecer alguns destes alimentos que ajudam a dar um gás no metabolismo.

1. Pimenta

A ação positiva da pimenta em nosso metabolismo e na circulação sanguínea é atribuída ao seu conteúdo de capsaicina, um composto químico capaz de realizar ações estimulantes sobre os processos metabólicos e circulatórios. Comer pimenta aumenta o nosso impulso metabólico de 25% durante um período que pode durar até três horas. De um lado o metabolismo é acelerado, e do outro a sensação de fome é reduzida e a saciedade dura mais tempo.

2. Cereais integrais

Os cereais integrais, como arroz ou aveia são capazes de fornecer energia para o nosso corpo de forma gradual e constante, evitando que gerem picos de insulina típicos de alimentos muito açucarados, cujo consumo deve ser evitado tanto quanto possível, de modo a evitar o risco de que o corpo, tendo assumido excesso de açúcares, transforme este último em gordura, um processo que, a longo prazo leva a um evitável aumento de peso.

3. Brócolis

Os brócolis estão entre os melhores vegetais para ajudar o nosso corpo na execução de seus processos de tratamento e eliminação de toxinas. Eles contêm elementos essenciais para o bom funcionamento do nosso sistema digestivo, incluindo, em particular, suas fibras vegetais. Os brócolis são caracterizados também por seu teor de vitaminas incluindo a vitamina C, vitamina A e vitamina K. E além disso, possui antioxidantes e ácido fólico, necessários para a realização de alguns processos importantes, incluindo o metabolismo da homocisteína, cuja presença elevada no sangue é considerada um fator de risco para doenças cardiovasculares.

4. Sopas

Estudos recentes realizados na Penn State University (http://www.psu.edu/) têm destacado como a ingestão de alimentos líquidos combinada com alimentos sólidos é capaz de aumentar a sensação de saciedade, trazendo ao mesmo tempo as propriedades benéficas das verduras, cereais e legumes que são comumente usados ​​na preparação de sopas. A ingestão de uma quantidade menor de comida leva o corpo a queimar a gordura já acumulada anteriormente, promovendo a perda de peso. Lembre-se, no entanto, não inventar dietas e entrar numas de apenas comer sopas. Conte com a orientação de um especialista.

5. Chá verde

O chá verde é uma bebida muito valiosa que, para além de exercerem os seus benefícios em nosso metabolismo, tornando-o mais eficiente, é capaz de contribuir para a manutenção de um bom estado de saúde, devido ao seu alto teor de antioxidantes, capazes de realizarem uma potente ação antienvelhecimento sobre os tecidos e órgãos do nosso corpo.

6. Maçã e pera

Um estudo realizado pela UERJ em uma amostra de mulheres, verificou que aquelas que consumiram três maçãs ou três peras por dia, foram capazes de perderem peso mais rapidamente do que aquelas que não seguiram o bom hábito de consumir essas frutas diariamente. Maçãs e peras são comprovadamente capazes de despertar o metabolismo e promover a perda de peso.

7. Especiarias

Canela, pimenta-caiena, pimenta-do-reino, cebola em pó e gengibre estão entre as especiarias consideradas com maior capacidade de estimular o metabolismo. Parece que as especiarias de sabor mais picante são as que dão melhores resultados.

8. Frutas cítricas

O alto teor de vitamina C de laranjas e tangerinas ajuda a controlar picos de insulina, fazendo com que o corpo desenvolva de maneira regular as suas funções metabólicas, promovendo assim, a eliminação de qualquer excesso de gordura.

9. Alimentos ricos em cálcio

Um estudo realizado pela Universidade do Tennessee mostrou que aqueles que assumiram uma quantidade de cálcio entre 1200 e 1300 mg por dia foram capazes de perderem duas vezes mais peso do que aqueles com uma menor ingestão diária deste mineral. Lembre que o cálcio também está contido em alimentos vegetais, como sementes de gergelim (uma porção de 100 gramas contém 1000 miligramas), vegetais de folhas verdes, sementes de linhaça, amêndoas e quinoa.

10. Alimentos ricos em ômega 3

A ingestão de alimentos ricos em ômega 3 é crucial para restabelecer o ritmo correto do metabolismo, pois esses ácidos graxos essenciais têm demonstrado ser capazes de reduzir a produção de um hormônio chamado leptina, que seria capaz de contribuir para a desaceleração do metabolismo. Entre os alimentos vegetais ideias para aumentar a ingestão de ômega 3 em sua dieta, estão o óleo de linhaça, sementes de linhaça, sementes de abóbora, sementes de girassol, nozes e castanha de caju.