5 dicas para sempre comer bem

dicas para sempre comer bem

Você acha muito difícil ter uma dieta saudável por causa da correria do dia a dia? Que nada! GreenMe preparou algumas dicas para uma alimentação mais saudável, anote tudo e deixe as desculpas de lado!

A primeira dica é NÃO COMPRAR BESTEIRAS!

Bateu a fome e você abre a sua geladeira ou o seu armário e encontra de tudo: biscoitos recheados, salgadinhos, refrigerantes...Se não tivesse nada disso o que você comeria? Troque estas besteiras por frutas, legumes, grãos e cereais e quando a fome bater “faça uma boquinha” mais saudável.

WE LOVE ERVAS

Abuse das ervas e tenha-as sempre frescas em casa: ervas como orégano, alecrim, manjericão, hortelã, e outras, além de serem uma ótima maneira de incrementar a receita, possuem várias propriedades benéficas para a saúde. São muitas vezes verdadeiros medicamentos naturais, podendo auxiliar nos tratamentos de câncer, alívio de dores, ajudam a regular o nível de açúcar no sangue, são eficazes no tratamento de infecções virais, bacterianas e fúngicas e auxiliam no tratamento de doenças respiratórias. As ervas não costumam durar muito tempo, então a dica é fazer uma pequena horta em casa - mesmo quem não tem jardim ou pedaço de terra, pode ter um pequeno cultivo de ervas aromáticas. Veja aqui como plantar ervas em casa.

Nada de temperos prontos em saladas e pastas

Quer fazer o estilo saudável e enche a salada de maionese e tantas outras salsas e molhos prontos? Por favor! Não tem nada de difícil em temperar a salada com limão espremido na hora, sal e azeite extra virgem de oliva. E numa boa, além de melhor, é mais gostoso!

Aprenda a fazer molhos para o seu macarrão. Por que comprar enlatados? O uso de produtos/temperos enlatados e prontos podem trazer alguns problemas: os produtos enlatados apresentam um componente capaz de impedir o bom funcionamento do nosso sistema hormonal. O bisfenol-A é um hormônio artificial, comumente usado pelas indústrias produtoras de embalagem e tem sido associado com o crescente índice de obesidade infantil. Outro problema é a grande quantidade de sódio que esses alimentos possuem, que contribui para o aumento da pressão arterial.

Faça uma certa quantidade de molho e congele para quando precisar sem deixar que a praticidade do enlatado te conquiste sempre.

Molho de tomate: Utilize 1 kg de tomate sem peles, ou 2 vidros de tomate pelado. Para tirar a pele dos tomates, jogue-os em água fervendo por alguns minutos e quando a pele estiver rachada, tire-os da água, despele e use-os para fazer o molho, mesmo sem cortá-los, pois com o cozimentos eles irão desmanchar-se. Refogue um ou dois dentes de alhos inteiros em 3 colheres de sopa de azeite. Se preferir sabor forte de alho, refogue o alho, um ou dois dentes - a escolha, bem picados em 3 colheres de azeite. Acrescente os tomates pelados, umas folhas de manjericão, sal a gosto e deixe cozinhar em fogo bem baixo por meia hora aproximadamente com a panela tampada. Se o tomate soltar muita água, deixe a panela destampada para enxugar um pouco.

Não consegue cozinhar sem colocar um dadinho Knorr?

Siga a receita e congele o dado para quando precisar: O segredo da preparação do caldo "knorr" é que os legumes e ervas são os da sua preferência. Após escolhidos, lave-os bem. Em uma panela grande, refogue no azeite o alho e o sal, coloque os pedaços dos legumes e vegetais (cenoura, mandioquinha, beterraba, brócolis, rúcula, entre outros) e ervas (salsão, louro, erva doce, orégano, etc.) para dar um breve tempero. Acrescente 2 litros de água e cozinhe tudo junto até criar um caldo encorpado ou até que o volume inicial se reduza a 50%. Bata no liquidificador e reserve em forminhas de gelo ou potinhos, espere esfriar e coloque para congelar, após congelado guarde em um saquinho ou caixinha no congelador e use quando necessário.

Refrigerantes? Não, obrigada!

Diga não aos refrigerantes, faça você mesmo(a): há quem diga que refrigerantes são gostosos e refrescantes, mas são completamente desprovidos de nutrientes benéficos. São um concentrado de açucares artificiais, corantes e conservantes que contribuem para doenças como diabetes do tipo 2, obesidade e cárie dentaria. Se você é louco por refrigerantes tente mudar o hábito, opte por águas com sabor que além de saudáveis são ótimas para limpar o organismo.

Siga essa receita rápida e fique louco por ela: refrigerantes? never more!

Refrigerante de Laranja Natural: Bata 6 cenouras no liquidificador com 1 litro de água gelada. Passe por uma peneira, volte ao liquidificador e bata com mais 1 litro de água gelada. Coe novamente e reserve. No liquidificador acrescente 1 ½ copo de suco de limão coado, 1 copo de suco de laranja coado, 1 unidade de casca de laranja ralada, açúcar à gosto e o suco de cenoura reservado. Bata por 3 minutos. Retire, coloque numa jarra e misture com 2 litros de água mineral com gás gelada e saboreie essa delícia natural.

Substitua a farinha de trigo

Tente substituir o uso da farinha de trigo por produtos integrais ou feitos com amêndoas, soja e grãos andinos pois são algumas ótimas opções facilmente encontradas em lojas especializadas e supermercados. Apesar de não comprovado ainda, especialistas afirmam que o glúten presente no trigo está associado a doenças cardíacas, ao acúmulo de gordura e ao Alzheimer, já as substâncias presente nessas farinhas alternativas melhoram o funcionamento intestinal e ajudam no controle das taxas de colesterol e açúcar no sangue. Para diminuir os riscos e aproveitar os benefícios dos grãos integrais você pode optar pot:

Farinha integral – contém mais fibras, proteínas e vitaminas, auxiliam no bom funcionamento do intestino e aumentam a sensação de saciedade; farinha de amêndoa – contém proteínas, gorduras saudáveis e um ótimo agente antirradical livre;

Farinha de quinoa – contém todos os aminoácidos essenciais que está por trás da sensação de bem-estar; farinha de linhaça – preserva as gorduras insaturadas (Ômega 3 e 6) que auxiliam no aumento do bom colesterol (HDL);

Farinha de soja – fornece cálcio, fibras e mais que o triplo de proteína que a farinha branca e ajuda no combate dos sintomas da TPM e menopausa;

Farinha de cevada – Riquíssima em fibras que agem em prol do intestino e derrubam os níveis de gordura e glicose na circulação sanguínea; ou a Farinha de Chia – Rica em nutrientes com ação antioxidante e proteínas de fácil digestão, além da presença de ômega-3 que faz bem ao cérebro.

Fala a verdade! Não é tão difícil, é?

Fonte fotos: freeimages.com