Barriga inchada: quais alimentos preferir e quais evitar

Barriga inchada

Barriga inchada: se o termo te veste bem e você não consegue usar as roupas mais justinhas que marcam a barriga, por ter um inchaço abdominal persistente, muito comum no universo feminino, saiba que a causa do inchaço pode ser por vários tipos.

Desde a “simples” presença de ar na barriga ao estresse excessivo, da preguiça que te mantém colado no sofá à alimentação inadequada.

Apenas eliminando os alimentos que fermentam demais no corpo também é possível resolver, ou melhorar, o problema da barriga inchada.

Pela primeira vez, uma dieta foi submetida a um estudo científico semelhante àqueles utilizados para avaliar a eficácia dos medicamentos contra os distúrbios intestinais como a síndrome do intestino irritável. A pesquisa foi desenvolvida pela Sapienza Universidade de Roma, cujos dados foram apresentados na Digestive Disease Week em Washington e na oficina "A melhor educação alimentar", realizada na Expo de Milão.

Os especialistas levaram em consideração 75 pessoas de ambos os sexos, submetidas a uma dieta especial. Tais pessoas foram monitoradas por mais de 2 anos, demonstrando como uma dieta personalizada pode permitir melhorias na saúde geral dos pacientes, evitando determinados alimentos que contenham uma alta capacidade de fermentação.

Quais seriam tais alimentos? Veja abaixo quais são os alimentos a preferir e quais a evitar para o problema de inchaço na barriga.

Alimentos para preferir

Cereais

Cereais

Cereais sem glúten como o arroz e o milho

Leite e queijos

Leite e queijos

Os queijos duros e curados, leites livres de lactose, de soja ou de arroz

Frutas

Frutas

Frutas como bananas, mirtilos, toranja, kiwi, tangerinas, limões, laranjas, uvas, framboesas e morangos

Hortaliças e vegetais

hortalicas verduras vegetais

Vegetais como aipo, pimentão, berinjela, alface, vagem e abóbora

Adoçantes

Adoçantes

Como adoçantes prefira sacarose, glicose, xarope de bordo e adoçantes que não terminem em "ol"

Alimentos para evitar

Cereais

cereias integrais

Entre os cereais, limitar o consumo de trigo e centeio (pão, macarrão, biscoitos, cream crackers)

Frutas

Frutas3

Entre frutas evite: maçãs, pêras, damascos, cerejas, pêssegos, manga, melancia, caqui, ameixas

Adoçantes

adoçante3

Entre os edulcorantes: mel, frutose e xarope de milho, sorbitol, manitol, xilitol

Leite e queijos

Leite e queijos2

Leite e queijos suaves e frescos (como o queijo cottage e a ricota)

Hortaliças e vegetais

Hortaliças e vegetais2

Entre as verduras: alcachofras, aspargos, beterraba, brócolis, repolho, couve-flor, erva-doce, alho, cogumelos, ervilhas

Leguminosas

Leguminosas

Entre as leguminosas: grão de bico, lentilhas, feijões, favas

Leia também: Conheça 10 alimentos que purificam o fígado