Nestlè retira seus noodles na Índia: excesso de chumbo e glutamato escondido

Nestlè noodles Índia

Novos problemas para a Nestlé. Na Índia foi proibida a venda de Maggi Noodles. Os macarrões instantâneos, amados também no nosso país, mostraram níveis de chumbo superiores ao permitido por norma e continham glutamato monossódico, um ingrediente não indicado na embalagem.

A multinacional suíça decidiu retirar os produtos para tutelar os consumidores, embora continue a considerar o Maggi Noodles, um produto seguro.

O glutamato monossódico é um ingrediente onipresente na indústria de alimentos como um realçador de sabor, e que, ao longo do tempo, tem sido acusado de causar vício, pois as pessoas se acostumam aos alimentos processados ​​muito saborosos até chegarem ao ponto de não mais apreciarem o sabor dos alimentos simples, sem que estes sejam temperados com o famoso realçador.

As indústrias alimentícias então, estariam se aproveitando deste fato, introduzindo o glutamato em seus produtos e, neste caso, a Nestlé teria agido de forma a enganar os consumidores, uma vez que não indicou a presença do glutamato na lista de ingredientes, contida nasembalagens dos Maggi Noodles vendidos na Índia.

Quanto ao excesso de chumbo, as causas não são claras, e busca-se pelos possíveis motivos que poderiam levar ao excesso de chumbo nestes produtos. A Nestlé estaria disposta a trabalhar com as autoridades indianas na investigação do problema.

Na Índia, 4 estados já decidiram proibir a venda dos macarrões instantâneos Maggi, um produto muito popular naquele país.

A Nestlé, que se defende em seu website, decidiu retirar o produto “ainda que este seja seguro", por causa do clima de preocupação e de confusão criado em torno dele, abrindo um canal de perguntas e respostas específicas para o caso.

O fato de o rótulo não indicar a presença de um ingrediente, certamente não é correto com relação aos consumidores. E quanto aos altos níveis de chumbo?

O escândalo estourou na semana passada após uma inspeção em uma loja em Uttar Pradesh. Agora a Nestlé está se preparando para realizar uma conferência para a imprensa indiana, para esclarecer a situação, conforme noticiou a imprensa suíça

Será que a Nestlé irá conseguir esclarecer as razões para as irregularidades relacionadas a este produto?

Fonte foto:nestle.com