Homens que adoram comida picante têm mais testosterona

comida picante têm mais testosterona

Alimentos picantes e especiarias como a pimenta sempre estiveram associadas com o desejo e o despertar dos sentidos. Não por acaso existem alimentos considerados afrodisíacos e que têm fama de ajudar aqueles que buscam acender o fogo da paixão! Agora, uma nova pesquisa relaciona a predileção por comida picante com o nível do hormônio masculino, a testosterona.

De acordo com o estudo intitulado "Some Like It Hot: Testosterone predicts laboratory eating behavior of spicy food", homens que gostam de pimenta, curry e outros sabores picantes têm níveis mais elevados de testosterona e, geralmente, consomem regularmente alimentos "quentes” para aumentar a concentração desse hormônio.

A equipe da Universidade de Grenoble, liderada pelo professor Laurent Begue, tomou uma amostra de 114 homens com idade entre 18 e 44 anos. Em todos os participantes foram medidos os níveis de testosterona através de amostras de saliva. Em seguida, a todos foi servido um prato de purê de batatas com a possibilidade de adicionarem ou não um molho de pimenta.

Verificou-se que aqueles que acrescentaram o sabor picante no prato, foram também os que apresentaram os mais altos níveis de testosterona. Homens que têm uma maior concentração desse hormônio são considerados os "machos alfa" ou seja, os mais sexualmente ativos e dominantes dentro de um grupo.

E mais sobre os picantes: nos últimos anos, a pesquisa científica tem mostrado que o hormônio testosterona também está relacionado à proteção de certas doenças, como a hipertensão e a diabetes.

Como afirmou o Professor Begue: “abrem-se novos cenários na biologia da preferência dos alimentos, expandindo-se nossa compreensão sobre a relação entre os processos hormonais e a ingestão de determinados alimentos."

Leia também: Especiarias picantes: um elixir da vida graças à capsaicina que bloqueia a dor